F1: Schumacher testa GP2 por três dias a partir desta terça

Até a imprensa alemã mostrava preocupação com o pouco número de treinos coletivos concedidos a Michael Schumacher para se reambientar à Fórmula 1. Entretanto, o alemão recebeu uma ‘mãozinha’ da FIA (Federação Internacional de Automobilismo) e iniciará sua temporada já nesta terça, quando inicia um período de testes a bordo de um GP2 em Jerez de la Frontera.

Em 2 de janeiro, uma matéria do diário Bild informou que Schumacher teria à disposição apenas quatro sessões de trabalho em fevereiro, exatamente as mesmas dos demais pilotos, para se preparar antes de encerrar um afastamento de três anos das pistas. “A Schumi bastarão quatro testes?”, perguntou-se na época o jornal, que ainda trouxe declarações do diretor esportivo da Mercedes, Norbert Haug, garantindo que o veterano não teria previlégios no tratamento em relação a Nico Rosberg.

Em meio a esses temores, porém, o heptacampeão mundial vinha negociando uma série de testes com um carro da GP2, o que acabou permitido pela FIA. Assim, de terça a quinta ele poderá voltar a uma tradicional pista – a última vez em que treinou nessas circunstâncias foi com uma Ferrari modelo 2007 em agosto passado, quando esperava substituir Felipe Massa.

Até 1º de fevereiro, data da abertura dos treinamentos coletivos da Fórmula 1 em Valência, Schumacher e seus concorrentes a mais um título estão proibidos de utilizar o equipamento da categoria. Jerez, de 10 a 13 e de 17 a 20 do mesmo mês, e Barcelona, de 25 a 28, abrigam os outros trabalhos oficiais.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *