F1: Sebastian Vettel marca a pole para o GP da Hungria

O alemão Sebastian Vetel (Red Bull) marcou neste sábado (31/07), a pole-position para o GP da Hungria, em Hungaroring, 12ª etapa da temporada. Foi a 7ª pole de Vettel no ano e 12ª na categoria. Com o tempo de 1m18s773, novo recorde da pista, Vettel alinha pela quarta vez consecutiva na primeira posição, em um circuito onde largar na frente é meio caminho andado para a vitória.

O australiano Mark Webber, 0s411lento do que seu parceiro de equipe; completa a dobradinha da Red Bull (que conquistou 11 das 12 poles da temporada). A dupla da Ferrari, o espanhol Fernando Alonso e o brasileiro Felipe Massa, após a vergonhosa manipulação do resultado do GP da Alemanha, formam a segunda fila. O líder do campeonato, o inglês Lewis Hamilton (McLaren) alinha em 5º, seguido pelo alemão Nico Rosberg (Mercedes).

As duas Renault, com o polonês Robert Kubica e o russo Vitaly Petrov, dividem a 4ª fila.  O espanhol Pedro de La Rosa (Sauber) e o alemão Nico Hulkenberg (Williams) completam os dez que disputaram a Q3.

O atual campeão, o inglês Jenson Button (McLaren) errou em sua volta rápida, não passando da Q2. O brasileiro Rubens Barrichello (Williams), que tinha passado para a Q3 nas três últimas provas, desta vez ficou apenas com o 12º tempo, enquanto seu parceiro Hulkenberg ia para a parte final do treino. Mais uma vez batido por Rosberg, o alemão Michael Schumacher (Mercedes) é o 14º.

Entre as equipes novatas a Virgin, com o alemão Timo Glock, conseguiu ficar a frente da Lotus.

O japonês Kamui Kobayashi (Sauber) foi punido com a perda de cinco posições, caindo da 18º para a 23ª posição. O piloto foi chamado pelos comissários da FIA para a pesagem obrigatória, ao retornar os boxes no final da Q1. Contudo não viu a luz vermelha e passou direto, indo para a garagem da equipe.

Os brasileiros, Lucas di Grassi (Virgin) alinha em 21º, seguido por Bruno Senna (Hispania) .

A prova começa às 9h (de Brasília) deste domingo, com transmissão ao vivo da Rede Globo.

Grid:

1: Sebastian Vettel (ALE/Red Bull) – 1min18s773
2: Mark Webber (AUS/Red Bull) – 1min19s184
3: Fernando Alonso (ESP/Ferrari) – 1min19s987
4: Felipe Massa (BRA/Ferrari) – 1min20s331
5: Lewis Hamilton (ING/McLaren) – 1min20s499
6: Nico Rosberg (ALE/Mercedes) – 1min21s082
7: Vitaly Petrov (RUS/Renault) – 1min21s229
8: Robert Kubica (POL/Renault) – 1min21s328
9: Pedro de la Rosa (ESP/Sauber) – 1min21s411
10: Nico Hulkenberg (ALE/Williams) – 1min21s710
11: Jenson Button (ING/McLaren) – 1min21s292
12: Rubens Barrichello (BRA/Williams) – 1min21s331
13: Adrian Sutil (ALE/Force India) – 1min21s517
14: Michael Schumacher (ALE/Mercedes) – 1min21s630
15: Sebastien Buemi (SUI/Toro Rosso) – 1min21s897
16: Vitantonio Liuzzi (ITA/Force Índia) – 1min21s927
17: Jaime Alguersuari (ESP/Toro Rosso) – 1min21s998
18: Timo Glock (ALE/Virgin) – 1min24s050
19: Heikki Kovalainen (FIN/Lotus) – 1min24s120
20: Jarno Trulli (ITA/Lotus) – 1min24s199
21: Lucas di Grassi (BRA/Virgin) – 1min25s118
22: Bruno Senna (BRA/HRT) – 1min26s391

23: Kamui Kobayashi (JAP/Sauber) – 1min22s222
24: Sakon Yamamoto (JAP/HRT) – 1min26s453 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *