F1: Segundo jornal, Button deixou Brawn por ter presente negado

O motivo para Jenson Button ter trocado de escuderia em 2010 veio à tona neste domingo. Segundo o diário inglês Daily Mail, o piloto teria assinado contrato com a Brawn GP – atual Mercedes – na qual ganharia uma Brawn BGP 001 caso conquistasse o título de 2009.

Segundo a publicação, Button queria guardar como lembrança o que ele havia descrito como o melhor carro com que já competiu. Para a temporada de 2009, a equipe havia produzido seis Brawn BGP 001 para que Button e Rubens Barrichello competissem.
Estima-se que cada carro tenha custado à Brawn cerca de 1 milhão de libras (R$ 2,6 milhões). Após a venda da equipe à Mercedes, o piloto ficou sem receber a premiação. Assim, Button entrou com uma ação judicial contra a Mercedes na Alta Corte de Londres, segundo o Daily Mail.
Fonte: Terra

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *