F1: Sexta-feira em Barcelona deixa Di Grassi confiante

Confiabilidade do VR-01 e atualizações aerodinâmicas trouxeram maior otimismo ao piloto da Virgin Racing.

As melhorias aerodinâmicas adotadas no carro de Lucas Di Grassi (Clear, Sorocred, Locaweb, Eurobike, Schioppa) surtiram sensível efeito no VR-01 e o brasileiro completou nesta sexta-feira (7) o programa estabelecido pela equipe nos dois treinos livres disputados no circuito de Barcelona, palco da quinta etapa do Mundial de Fórmula 1. O piloto completou 54 voltas, somadas as duas sessões, a melhor delas em 1:25.066 (21º tempo em ambas as sessões), registrada durante à tarde e 0s530 mais rápida que a de seu companheiro de equipe, o alemão Timo Glock, que estréia o novo pacote da Virgin – com tanque de combustível e entre-eixos maior, além de um novo assoalho e novas peças aerodinâmicas.
“Foi uma ótima sexta-feira, pudemos completar o programa completando várias voltas e com uma boa performance. Trabalhei em uma direção de setup que me deixou satisfeito”, afirmou o estreante de 25 anos. “Temos algumas atualizações no carro e todas se comportaram de maneira muito boa, então estou confiante para esta corrida”, disse.
Apesar da previsão de chuva para o fim de semana, a sexta-feira ocorreu com pista seca e temperaturas baixas. Apesar de um início promissor, Lucas ressalta que ele e a equipe trabalham em melhorias no carro visando o treino classificatório deste sábado (8). “Ainda precisamos mexer em algumas coisas. Sem dúvida, o carro melhorou da última corrida para cá, mas todo mundo trouxe novidades e também mostraram melhora. Agora nosso foco é em acertar estes novos componentes e tirar o máximo deles”, comentou o piloto paulista, que em Barcelona corre com a versão antiga do VR-01 (mesmo com algumas atualizações), ao contrário de Glock, que estréia a nova especificação do carro da Virgin.
“Começamos com o pé direito, e agora é uma questão de acertar os detalhes e esperar que a mesma confiabilidade de hoje se repita nos próximos dois dias. Mesmo com o carro antigo, temos possibilidades de conseguir um bom resultado em Barcelona e fazer um bom trabalho. Nosso foco, mais uma vez, é terminar a corrida na frente da Lotus e Hispania”, concluiu.
A programação para o GP da Espanha se inicia nesta sexta-feira (7) com os primeiros treinos livres, que serão transmitidos ao vivo pelo canal SporTV. No sábado (8) e domingo (9), o treino classificatório de definição do grid de largada e a corrida serão mostrados ao vivo pela Rede Globo, ambos a partir das nove horas.
Confira os tempos do segundo treino livre:
1°. Sebastian Vettel (ALE/Red Bull-Renault), 1min19s965 
2°. Mark Webber (AUS/Red Bull-Renault), a 0s210 
3°. Michael Schumacher (ALE/Mercedes), a 0s792 
4°. Fernando Alonso (ESP/Ferrari), a 0s854 
5°. Lewis Hamilton (ING/McLaren-Mercedes), a 1s226 
6°. Robert Kubica (POL/Renault), a 1s237 
7°. Nico Rosberg (ALE/Mercedes), a 1s306 
8°. Felipe Massa (BRA/Ferrari), a 1s337
9°. Jenson Button (ING/McLaren-Mercedes), a 1s399 
10°. Adrian Sutil (ALE/Force India-Mercedes), a 1s553
11°. Pedro de la Rosa (ESP/Sauber-Ferrari), a 1s707 
12°. Vitantonio Liuzzi (ITA/Force India-Mercedes), a 1s939 
13°. Kamui Kobayashi (JAP/Sauber-Ferrari), a 1s966 
14°. Sebastian Buemi (SUI/Toro Rosso-Ferrari), a 2s219 
15°. Rubens Barrichello (BRA/Williams-Cosworth), a 2s227 
16°. Vitaly Petrov (RUS/Renault), a 2s470 
17°. Jaime Alguersuari (ESP/Toro Rosso-Ferrari), a 2s484 
18°. Nico Hulkenberg (ALE/Williams-Cosworth), a 3s800 
19°. Jarno Trulli (ITA/Lotus-Cosworth), a 4s244 
20°. Heikki Kovalainen (FIN/Lotus-Cosworth), a 4s929
21°. Lucas Di Grassi (BRA/Virgin-Cosworth), a 5s101
22°. Karun Chandhok (IND/Hispania-Cosworth), a 6s007
23°. Bruno Senna (BRA/Hispania-Cosworth), a 6s187
24°. Timo Glock (ALE/Virgin-Cosworth), a 6s631

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *