F1: Spyker aceita vender equipe de Fórmula 1 por 88 mi de euros

A montadora holandesa Spyker Cars venderá sua deficitária equipe de Fórmula 1 por 88 milhões de euros (123 milhões de dólares) para um grupo que inclui o empresário indiano Vijay Mallya, anunciou a empresa nesta quinta-feira.

 



“Com a venda da equipe de Fórmula 1 agora definida inicialmente… a Spyker Cars voltará ao trabalho de finalização da revisão das estratégias internas e o refinanciamento que começou em maio”, informou a Spyker em comunicado.


No dia 1o de setembro, o diretor da Spyker para a Fórmula 1, Michiel Mol, afirmou ter acertado com Mallya de fazerem uma proposta de 80 milhões de euros pela equipe. A oferta foi feita através da Strongwind, braço de investimento da família Mol, e da Watson Limited, de Mallya.


Mallya é presidente e acionista majoritário do Grupo UB, que tem operações com cervejarias e companhias aéreas na Índia.


Acionistas da Spyker votarão a venda da escuderia em 29 de setembro.


A Spyker comprou a equipe de F1 da Midland no ano passado por 106,6 milhões de dólares. A equipe teve prejuízo de 13 milhões de euros no primeiro semestre do ano, levando o prejuízo total da Spyker para 29,9 milhões de euros, contra 1,1 milhão em relação ao mesmo período do ano anterior.


(Por Foo Yun Chee, Reuters)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *