F1: Teto orçamentário cai se equipes ficarem por mais 5 anos

As propostas começam a surgir e depois de uma grande briga política que ainda está longe de acabar, com certeza algo acontecerá para que o racha não aconteça na F1.

A notícia que ronda o paddock da F1 nessa manhã em Silverstone é que Max Mosley fez uma proposta aos times da categoria: esquece o teto orçamentário proposto, para a próxima temporada, se os times assinarem e se comprometerem a permanecer na categoria por mais cinco anos.

Não houve ainda um pronunciamento dos times da FOTA, porém parece que no final das contas todos irão se acertar. A briga é política, está claro, então todos querem mostrar força.

Porém os homens que dirigem esse esporte sabem muito bem que se o racha acontecer, todos sairão perdendo: a FIA que terá o campeonato não não terá as equipes principais e a FOTA, que terá os times e os pilotos, mas não o nome da FIA.

O maior exemplo disso tivemos a pouco tempo, com a separação da Indy e a CART: ambas sairam perdendo! Agora unidas novamente, o show volta ao ar!

Ainda é cedo, mas existe um sinal de que tudo se resolverá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *