F1: Trulli critica existência de duas Lotus: “É surreal”

Integrante da Lotus malaia, o italiano Jarno Trulli está indignado com o imbróglio envolvendo o nome da histórica equipe, que também é reivindicado pela Renault. “Qual é a verdadeira? Não sei, é vergonhoso e surreal”, destacou o piloto.

O problema ainda não foi resolvido pelos dirigentes da Fórmula 1, que pode até mesmo iniciar a temporada com duas equipes de nomes semelhantes: Team Lotus, no caso do time asiático, e Lotus Renault, que contará apenas com o suporte técnico da montadora francesa. A briga está na Justiça.

O veterano Trulli ainda reclamou das mudanças técnicas da categoria. “Há muitas coisas novas, desde a aerodinâmica até os pneus, além do KERS. Fala-se de economia de dinheiro, mas a cada ano as regras mudam, as pessoas não entendem e a Fórmula 1 se converte em algo menos espetacular”, opinou.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *