F1: Villeneuve admite desejo de voltar à F-1

Afastado da Fórmula 1 desde 2006, o canadense Jacques Villeneuve confessou esta semana que gostaria de voltar a correr na principal categoria do automobilismo internacional. Aos 37 anos, o piloto tem se mantido na ativa em outras categorias e no último final de semana terminou em segundo nas 24 Horas de Le Mans.

“Certamente estou aberto à idéia com as novas regras técnicas”, afirmou ao periódico Autosprint. Campeão da categoria na temporada de 1997, defendendo a Williams, sua última equipe foi a BMW Sauber.


A saída da F-1 não foi em grande estilo. No GP da Alemanha, em Hockenheim, ele perdeu o controle do carro e acabou sendo substituído na etapa seguinte (Hungria), pelo polonês Robert Kubica.


Apesar do interesse no retorno, Villeneuve reconhece que a possibilidade ainda é muito incerta. “Para ser honesto, eu não tenho idéia se isto seria possível. Nunca tive a esperança de retornar. Pilotei em algumas outras categorias, mas apenas porque não havia vaga na F-1. Se houver a possibilidade de que isto aconteça (retorno), com certeza com o novo regulamento, eu gostaria muito de voltar”, concluiu.


Durante dez anos de F-1, Villeneuve passou por cinco escuderias. Estreou na Williams em 1996, correndo depois pela BAR, Renault, Sauber e BMW-Sauber. Foram 155 GPs disputados com 11 vitórias na carreira.


Fonte: Gazeta Press

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *