F1: Webber divide culpa, mas revela descontentamento com Kovalainen

Mark Webber saiu ileso após um assustador acidente sofrido durante o GP da Europa, mas, apesar do risco que correu, evitou culpar Heikki Kovalainen pela batida que o fez alçar voo e bater violentamente em uma das barreiras de pneus no circuito de Valência, na Espanha.

“É preciso duas pessoas para dançar tango, não? Aqui também precisou dois para ter este acidente”, comentou o piloto, dividindo a culpa em entrevista à BBC. “Eu estava tentando fazer o meu melhor para ultrapassá-lo e ele estava jogando duro, bloqueando de forma muito agressiva”, destacou.

Após a prova, Kovalainen admitiu ter antecipado a freada para tentar evitar a ultrapassagem do australiano. “No final, o que me surpreendeu foi o quão cedo ele freou, foi isso que me pegou. Não importa o quanto perto ou estava dele, eu ainda tinha tudo sob controle”, garantiu.

Descontentamento

Apesar do discurso conciliador, Webber deixou escapar seu descontentamento com o fato de Kovalainen ter tentado, com uma Lotus, dificultar a ultrapassagem de sua Red Bull.

“Foi um incidente desagradável. É evidente que eu fiquei surpreendido com o que estava acontecendo naquela curva. Para começar eu pensei que ele fosse me deixar passar porque obviamente a diferença de ritmo entre os dois carros é enorme. Mas então ele começou a fechar a porta e fazer pequenos movimentos. Pensei: “Onde ele está indo?””, reclamou.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *