F1: Williams comunica que tampa de bueiro tirou Rubinho em Mônaco

Nesta sexta-feira, a equipe Williams anunciou a causa do abandono do piloto brasileiro Rubens Barrichello, vítima de uma acidente no último Grande Prêmio de Mônaco, realizado no final de semana passado.

Segundo a escuderia inglesa – que fez questão de investigar o caso -, uma tampa de bueiro solta na curva dois chocou-se com o monoposto do piloto, que acabou perdendo o controle e batendo no guardrail do circuito de rua do Principado.

Segundo a nota oficial, “quando o carro de Rubens passou pelo bueiro, a tampa ‘pulou’ e acertou a roda traseira esquerda, causando o problema”. Ainda de acordo com o documento, o incidente foi encaminhado à FIA (Federação Internacional de Automobilismo).

Após o obstáculo, Rubinho teve seu carro virado e ficou exposto a seus concorrentes. Correndo perigo, tirou o volante e saiu correndo em disparada para um lugar seguro.

Ocupando apenas a sétima colocação, com escassos oito pontos acumulados, a Williams presenciou também a saída de seu outro contratado, Nico Hulkenberg. O alemão bateu no túnel na primeira volta da etapa, motivado por um toque de um adversário.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *