F3 Alemã: Marcello Thomaz satisfeito após teste coletivo

Piloto brasileiro e equipe Swiss Racing Team identificaram ítens do carro que devem ser trabalhados para a primeira prova.

O brasileiro Marcello Thomaz participou na última quarta-feira (5/04) do teste coletivo que a organização do Campeonato Alemão de Fórmula 3 promoveu no circuito de Oschersleben. Dos 32 carros inscritos para o torneio, 29 compareceram ao circuito que irá receber a rodada dupla de abertura da temporada nos dias 22 e 23 de abril. Pilotando um Dallara F304/Opel Spiess, Marcello obteve a 16ª colocação com o tempo de 1:23.517, logo atrás de seu companheiro de equipe, Dominik Schraml.

Apesar de estar distante do melhor tempo do dia, 1:20.690 obtido por Nico Hulkenberg, Thomaz mantém o otimismo para o início do campeonato. “Posso dizer que o teste foi positivo para nós. Fazia muito frio em Oschersleben e o treino chegou a ser interrompido depois que começou a nevar no início da tarde. Depois disso, quando a pista foi liberada, ela já não apresentou as mesmas condições da parte da manhã e ninguém conseguiu melhorar suas marcas. Para nós, esse confronto foi bom, pois conseguimos identificar os pontos em que precisamos trabalhar no nosso carro e o que me deixa muito contente é que a equipe me deixa a vontade para dar sugestões em relação ao acerto do carro, realizando um verdadeiro trabalho em conjunto para atingirmos nossos objetivos”, relatou Marcello, que ficou com o terceiro melhor tempo entre os carros Dallara fabricados em 2004.

O resultado do teste coletivo da Fórmula 3 Alemã em Oschersleben foi o seguinte:
1º – Nico Hulkenberg (Dallara 306-Opel) – Kaufmann – 1’20”690
2º – Harald Schlegelmilch (Dallara 304-Opel) – HS Technik – 1’20”699
3º – Joey Foster (Lola B06/30-Opel) – HS Technik – 1’20”819
4º – Martin Hippe (Lola B06/30-Opel) – HS Technik – 1’21”428
5º – Renger Van der Zande (Dallara 306-Mercedes) – Seyffarth – 1’21”442
6º – Cyndie Allemann (Dallara 306-Mercedes) – Seyffarth – 1’21”938
7º – Recardo Bruins (Dallara 306-Opel) – Van Amersfoort – 1’21”961
8º – Ferdinand Kool (Lola B06/30) – JB – 1’22”056
9º – Franz Schmoller (Dallara 304-Opel) – FS – 1’22”086
10º – Natacha Gachnang (Dallara 306-Opel) – Bordoli – 1’22”385
11º – Ho Pin Tung (Lola B06/30) – JB – 1’22”651
12º – Salvatore Gatto (SLC R1006-Opel) – Target – 1’22”756
13º – Riccardo Azzoli (SLC R1006-Opel) – Target – 1’22”835
14º – Davide Mazzoleni (Dallara 306-Mugen) – Ombra – 1’22”983
15º – Dominik Schraml (Dallara 306-Mercedes) – SRT – 1’23”316
16º – Marcello Thomaz (Dallara 304-Opel) – SRT – 1’23”517
17º – Dominick Muermanns (Dallara 306-Opel) – Van Amersfoort – 1’23”580
18º – Ronny Wechselberger (Dallara 304-Opel) – Schwadtke – 1’23”790
19º – Rolf Biland (Dallara 304-Opel) – Schuler – 1’24”055
20º – Christer Jons (Dallara 304-Opel) – JMS – 1’24”212
21º – Yari Benedetti (Dallara 301-Opel) – JMS – 1’25”003
22º – Marcel Schuler (Dallara 304-Opel) – Schuler – 1’25”422
23º – Pablo Sander (Dallara 304-Opel) – WM – 1’25”442
24º – Petr Samek (Dallara 304-Opel) – KFR – 1’25”615
25º – Norman Knop (Dallara 306-Opel) – Leipert – 1’25”700
26º – Martin Konrad (Dallara 304-Opel) – Woss – 1’27”109
27º – Massimo Rossi (Dallara 306-Mugen) – Ombra – 1’28”405
28º – Denis Watt (Dallara 304-Opel) – Woss – 1’28”927
29º – Helmut Ebert (Dallara 304-Opel) – Rossler – 1’32”663

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *