F3 Alemã: Rafael Suzuki chega em quinto na Alemanha

Piloto estreou no Autódromo de Lausitz.

O brasileiro Rafael Suzuki (SV Labs) terminou na quinta posição a 14ª etapa da Fórmula 3 Alemã, disputada neste domingo (07/09), no Autódromo de Lausitz. Estreando na pista, ele ficou satisfeito com o resultado. “Dentro do possível, até que a corrida foi boa. Eu fiz o máximo que dava para fazer” afirma o piloto que faz sua primeira temporada no campeonato, que é um dos mais importantes da categoria em todo o mundo. A vitória ficou com o belga Fréderic Vervisch, que lidera a competição.

Rafael Suzuki fez uma boa largada e conseguiu manter sua quinta posição. Durante a corrida ele travou um duelo intenso com o italiano Matteo Chinosi. “Trocamos várias vezes de posição e ele me fechava bastante. Mas no final consegui ficar na frente dele”, conta. No entanto essa disputa tirou as chances do titular da Performance Racing conseguir uma melhor posição na corrida. “Eu perdi bastante tempo e quando abri uma boa vantagem, já estava muito longe dos primeiros”, lembra.

Na primeira corrida da rodada dupla, o brasileiro fez uma excelente corrida de recuperação. O carro morreu na largada e o piloto da SV Labs caiu para a vigésima colocação. “De um modo geral, foi bom. Eu ultrapassei quase um adversário por volta”, afirma. Suzuki elogiou o bom rendimento do carro para conseguir cruzar a linha de chegada na sétima colocação. “A corrida foi bem legal, divertida. O carro esteve num ritmo muito bom do começo ao fim”, garante. A vitória novamente foi de Vervisch.

Rafael fez questão também de destacar o bom trabalho executado por sua equipe, numa pista que não era favorável a seu equipamento. “Todo mundo trabalhou muito bem. O acerto do carro está legal hoje e fomos os melhores com motores Opel. Isso nos dá confiança para o decorrer do campeonato”, finaliza.

A próxima rodada dupla acontece em Sachsenring, nos dias 20 e 21 de setembro.

Estes foram os oito primeiros da 14ª etapa da F3 Alemã em Lausitz:
1) Fréderic Vervisch/BEL, Dallara F307/Mercedes, 19 voltas em 26min04s574;
2) Sebastian Saavedra/COL, Dallara F307/Mercedes, a 2s572;
3) Johnny Ceccoto/VEN, Dallara F307/Mercedes, a 4s987;
4) Gerhard Tweraser/AUT, Dallara F307/Mercedes, a 16s678;
5) Rafael Suzuki/BRA, Dallara F307/Opel, a 22s792;

6) Max Nilsson/SUE, Dallara F307/Mercedes, a 29s813;
7) Matteo Chinosi/ITA, Dallara F307/Honda, a 30s572;
8) Kevin Mirocha/ALE, Dallara F307/Opel, a 31s114.

Estes foram os oito primeiros da 13ª etapa da F3 Alemã em Lausitz:
1) Fréderic Vervisch/BEL, Dallara F307/Mercedes, 19 voltas em 25min56s323;
2) Laurens Vanthoor/BEL, Dallara F307/Volkswagen, a 08s266;
3) Matteo Chinosi/ITA, Dallara F307/Honda, a 16s602;
4) Sebastian Saavedra/COL, Dallara F307/Mercedes, a 16s640;
5) Gerhard Tweraser/AUT, Dallara F307/Mercedes, a 20s810;
6) Kevin Mirocha/ALE, Dallara F307/Opel, a 24s878;
7) Rafael Suzuki/BRA, Dallara F307/Opel, a 25s103;
8) Rahel Frey/SUI, Dallara 307/Volkswagen, a 27s112.

Assim está o campeonato após 14 etapas:

1) Fréderic Vervisch/BEL, Dallara F307/Mercedes, 95 pontos;
2) Sebastian Saavedra/COL, Dallara F307/Mercedes, 71;
3) Matteo Chinosi/ITA, Dallara F307/Honda, 69;
4) Johnny Ceccoto/VEN, Dallara F307/Mercedes, 64;
5) Laurens Vanthoor/BEL, Dallara F307/Volkswagen, 53;
6) Kevin Mirocha/ALE, Dallara F307/Opel, 49;
7) Rafael Suzuki/BRA, Dallara F307/Opel, 45;
8) Gerhard Tweraser/AUT, Dallara F307/Mercedes, 42;
9) Federico Leo/ITA, Dallara F 307/Honda, 22;
10) Max Nilsson/SUE, Dallara F307/Mercedes, 15;
11) Hamad Al Fardan/BRN, Dallara F307/Mercedes, 13;
12) Philipp Eng/AUT, Dallara F307/Mercedes, 7;
13) Sergey Chukanov/UCR, Dallara F307/Opel, 6;
14) Rahel Frey/SUI, Dallara 307/Volkswagen, 5;
15) David Hauser/LUX, Dallara 307/Mercedes, 3;
16) Gary Hauser/LUX, Dallara 307/Mercedes, 2;
17) Jenz Hoing/ALE, Dalara F307/Mercedes, 1 ponto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *