F3 Alemã: Suzuki mantém terceira posição no campeonato

Mesmo estreando por uma pequena equipe e largando em último nas duas provas do final de semana por problemas nas sessões de classificação, brasileiro somou pontos no campeonato e se manteve à frente de Nico Monien e Markus Pommer na tabela.

A primeira e a segunda posições do Campeonato Alemão de Fórmula 3 já estão definidas em favor dos companheiros de equipe Laurens Vanthoor e Stef Dusseldorp, mas a disputa pelo terceiro lugar na tabela segue intensa depois de encerrada a penúltima rodada dupla da temporada, neste domingo, no circuito de Sachsenring.

Mesmo estreando por uma equipe pequena e largando em último nas duas provas do final de semana por problemas nas sessões de classificação, o brasileiro Rafael Suzuki (SVLabs) se manteve em terceiro no campeonato e segue com boa vantagem para seus dois principais adversários na tabela, Nico Monien e Markus Pommer.

Neste domingo, Suzuki fez uma excepcional largada e pulou da 21ª para a 13ª posição ao final da segunda curva. O início em ritmo alucinante projetava uma corrida de recuperação surpreendente, mas um toque com Gary Houser, da equipe Racing Experience, atrapalhou a corrida do brasileiro.

“Acho que o Houser não me viu quando fui ultrapassá-lo, e acabamos nos tocando. Levei a pior porque parte da asa dianteira do meu carro ficou danificada, e não tive como manter o mesmo ritmo das primeiras voltas. Como consegui completar uma largada maluca e recuperar diversas posições, esperava um resultado melhor, mas só consegui concluir a corrida em décimo”, comentou o brasileiro.

Rafael Suzuki ainda marcou um ponto no campeonato, já que os pilotos Joey Foster e Peter Elkmann, que acabaram de chegar ao campeonato alemão pelas equipes HS Technik e Performance Racing – curiosamente os dois times pelos quais Rafael já havia competido nesta temporada –, não puderam somar pontos.

Com este resultado, ele chegou a 65 pontos na classificação geral, e manteve boa vantagem para Monien, que segue em quarto com 56. Na última etapa da temporada 24 pontos estarão em jogo, e quem vencer essa disputa particular conquista um resultado que, neste ano, está sendo ainda mais valorizado na categoria.

“Terminar o campeonato alemão entre os três primeiros colocados é um resultado ótimo, mas neste ano, em razão da imensa superioridade da equipe Van Amersfoort, chegar em terceiro significa vencer um campeonato paralelo. É uma colocação ainda mais valorizada neste ano, e por isso tenho me esforçado tanto para mantê-la. Quando tive condições, cheguei a disputar o vice, mas como fiquei sem equipe para correr três rodadas atrás, tive que lutar para me manter onde estou e espero confirmar essa posição na última rodada dupla da temporada”, analisou Suzuki.

A vitória na 16ª rodada do campeonato foi conquistada pelo campeão antecipado, Laurens Vanthoor. Seu companheiro de equipe, Stef Dusseldorp, largou mal, mas cruzou a linha de chegada em quinto e, com esse resultado, garantiu o vice-campeonato também por antecipação. Os dez primeiros colocados na etapa deste domingo da F-3 Alemã foram:

1) Laurens Vanthoor
2) Peter Elkmann
3) Tom Dillmann
4) Harald Schlegelmilch
5) Joey Foster
6) Stef Dusseldorp
7) Nico Monien
8) Markus Pommer
9) Max Nilsson
10) Rafael Suzuki

Passadas 16 das 18 etapas previstas para este ano, os seis melhores na tabela são:
1) Laurens Vanthoor, 144
2) Stef Dusseldorp, 94
3) Rafael Suzuki, 65
4) Nico Monien, 56
5) Markus Pommer, 53
6) Rahel Frey, 45

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *