F3 Inglesa: Bruno Senna está perto da primeira vitória na Inglaterra

Bruno Senna poderá conquistar nesta segunda-feira sua primeira vitória no Campeonato Inglês de Fórmula 3.


Ele sairá na pole na primeira etapa da temporada e em segundo na prova de encerramento da rodada dupla em Oulton Park. São duas chances que o paulista de 22 anos já sabe como aproveitar. A primeira corrida está marcada para as 7h55 (Brasília); a segunda, às 11h45, ambas com 18 voltas.

“Quero esquentar bem os pneus na volta de aquecimento, largar bem e abrir alguma vantagem depois de duas ou três voltas. Em Oulton Park, não faz tanta diferença sair em primeiro ou em segundo, porque os carros ficam emparelhados no grid e a primeira curva é bem rápida, o que diminui os riscos de acidente”, explicou Bruno, cujos melhores resultados na Fórmula 3 inglesa em 2005 foram dois segundos lugares.

Não houve atividades no autódromo neste domingo por causa das celebrações de Páscoa. Bruno passou pelos boxes no fim da tarde apenas para conversar com os engenheiros e checar a telemetria das sessões classificatórias de sábado. Nas duas corridas, terá um companheiro de equipe dividindo a primeira fila – Stephen Jelley e Mike Conway. Embora a imprensa britânica aponte Conway como um dos principais candidatos ao título, Bruno acredita que Jelley poderá dar mais trabalho, pelo menos no início da prova. “Fizemos um treino de largada recentemente em Pembrey e ele foi muito melhor que o Conway”, comparou.

Bruno acredita que as possibilidades de vitória em Oulton Park são concretas. “Meu carro rendeu bem nas classificações e só não fiz a pole da segunda etapa porque cometi um erro na volta rápida. Mas consegui economizar os pneus, o que é muito importante porque os traseiros tendem a se desgastar rapidamente na Fórmula 3 inglesa e deixar o carro difícil de dirigir do meio para o fim da corrida”, lembrou. Alberto Valério, o outro brasileiro na categoria, partirá em 12º nas duas corridas defendendo a Cesário Fórmula, equipe de São Paulo que também está estreando na Inglaterra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *