F3 Inglesa: Daniel Ricciardo amplia vantagem no campeonato

O australiano Daniel Ricciardo, da Carlin, aumentou a sua liderança na tabela de pontos, após a 8ª rodada dupla em Silverstone, na Inglaterra, disputada no domingo (16/08). Com uma vitória e um terceiro lugar, ao australiano passou a somar 210 pontos, 45 a mais do que o austríaco Walter Grubmuller, da Hitech.

Saindo da pole-position Ricciardo venceu a primeira prova de ponta, completando as 23 voltas com 9s849 de vantagem para Grubmuller. O holandês Renger Van der Zande, parceiro de equipe de Grubmuller, completou o pódio.

No começo da prova Van der Zande acompanhou o ritmo de Ricciardo, contudo na metade final o Dallara-Mercedes do holandês perdeu rendimento, permitindo a Ricciardo abrir dez segundos de vantagem. Os dois carros da Hitech passaram a duelar pelo segundo lugar, com Grubmuller ganhando a disputa.

Entre os brasileiros Adriano Buzaid, da T-Sport, terminou em 10º, seguido pelo parceiro de equipe Gabriel Dias (vencedor entre os carros da Classe Nacional). Victor Corrêa, da Litespeed, foi 16º no geral e 3º, na Classe Nacional.

Van der Zande venceu a segunda prova, seguido pelo pole-position, o japonês Daisuke Nakajima, da Double R. Ricciardo foi o 3º.

Nakajima manteve a liderança na largada, mantendo uma tranquila vantagem até perder rendimento, permitindo a aproximação do inglês Max Chilton, da Carlin. Com Nakajima se defendendo dos ataques de Chilton, der Zande se aproximou da dupla.

No Hairpin da Abbey, Nakajima fechou a porta para Chilton, permitindo a de Zande ultrapassar o inglês para ganhar a segunda posição.  Na volta seguinte, no mesmo ponto, o holandês superou o filho mais novo do ex-piloto de F-1, Satoru, assumindo a liderança.

Nakajima e Chilton continuaram a lutar pela segunda posição, com o japonês mantendo a tática defensiva. Os dois acabaram se tocando, com Chilton passando reto na Becketts, perdendo várias posições. O inglês terminou em 7º.

Buzaid cruzou em 12º, terminando um final de semana decepcionante, após vencer pela primeira vez na rodada anterior, na Bélgica.

“Fomos pelo caminho errado. Talvez se tivéssemos mantido o carro como estava antes do início dos treinos fosse possível conseguir mais pontos”, lamentou Buzaid.

Dias venceu novamente pela Classe Nacional, sendo 14º no geral, com Corrêa em 3º na classe e 17º no geral.

“Foram bons resultados. Conseguimos melhorar um pouco o carro de sábado para domingo e fomos bem consistentes”, comentou Corrêa.

Com duas vitórias e duas poles na Classe Nacional, Dias ganhou o “Driver of the Weekend”, como melhor piloto do final de semana. Ele foi o primeiro piloto da classe de acesso a ganhar o prêmio, instituído nesta temporada.

“Eu nem esperava. Na verdade eu nem sabia que eles consideravam nossa divisão. Fiquei surpreso e feliz, principalmente por ter sido um final de semana em que tudo deu certo”, disse Dias.

Ricciardo soma 210 pontos na liderança. Grubmuller, o vice-líder, tem 165, seguido por de Zande, com 157. Buzaid é o 5º, com 100.

Pela classe Nacional o inglês Daniel McKenzie, da Fortec, lidera com 279. Dias é o segundo, com 226, seguido por Corrêa, que soma 154.

A nona e penúltima rodada dupla acontece nos dias 12 e 13 de setembro, no Algarve, em Portugal.

Grid, prova 1:

1 – Daniel Ricciardo (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 1’14″783
2 – Max Chilton (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 1’14″980
3 – Renger Van der Zande (Dallara-Mercedes) – Hitech – 1’14″999
4 – Walter Grubmuller (Dallara-Mercedes) – Hitech – 1’15″075
5 – Carlos Huertas (Dallara-Mercedes) – Raikkonen – 1’15″321
6 – Henry Arundel (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 1’15″340
7 – Wayne Boyd (Dallara-Volkswagen) – T Sport – 1’15″422
8- Riki Christodoulou (Dallara-Mercedes) – Fortec – 1’15″442
9 – Daisuke Nakajima (Dallara-Mercedes) – Raikkonen – 1’15″638
10 – Adriano Buzaid (Dallara-Volkswagen) – T Sport – 1’15″654
14 – Gabriel Dias (Dallara-Mugen) – T Sport – 1’16″140
21 – Victor Correa (SLC-Mugen) – Litespeed – 1’18″563

Final, prova 1:

1 – Daniel Ricciardo (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 23 voltas em 29m08s610
2 – Walter Grubmuller (Dallara-Mercedes) – Hitech – 9″849
3 – Renger Van der Zande (Dallara-Mercedes) – Hitech – 10″986
4 – Max Chilton (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 11″843
5 – Henry Arundel (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 20″964
6 – Carlos Huertas (Dallara-Mercedes) – Raikkonen – 21″412
7 – Wayne Boyd (Dallara-Volkswagen) – T Sport – 24″433
8 – Riki Christodoulou (Dallara-Mercedes) – Fortec – 25″912
9 – Daisuke Nakajima (Dallara-Mercedes) – Raikkonen – 26″689
10 – Adriano Buzaid (Dallara-Volkswagen) – T Sport – 27″812
11 – Gabriel Dias (Dallara-Mugen) – T Sport – 27″358
16 – Victor Correa (SLC-Mugen) – Litespeed – 1 volta

Volta mais rápida: Daniel Ricciardo 1’15″200

Grid, prova 2:

1 – Daisuke Nakajima (Dallara-Mercedes) – Raikkonen – 1’15″090
2 – Max Chilton (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 1’15″091
3 – Renger Van der Zande (Dallara-Mercedes) – Hitech – 1’15″216
4 – Daniel Ricciardo (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 1’15″252
5 – Walter Grubmuller (Dallara-Mercedes) – Hitech – 1’15″393
6 – Henry Arundel (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 1’15″458
7 – Wayne Boyd (Dallara-Volkswagen) – T Sport – 1’15″503
8 – Carlos Huertas (Dallara-Mercedes) – Raikkonen – 1’15″537
9 – Riki Christodoulou (Dallara-Mercedes) – Fortec – 1’15″627
10 – Philip Major (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 1’15″713
11 – Adriano Buzaid (Dallara-Volkswagen) – T Sport – 1’15″910
12 – Gabriel Dias (Dallara-Mugen) – T Sport – 1’16″194
20 – Victor Correa (SLC-Mugen) – Litespeed – 1’18″463

Final, prova 2:

1 – Renger Van der Zande (Dallara-Mercedes) – Hitech – 23 voltas em 29m39s462
2 – Daisuke Nakajima (Dallara-Mercedes) – Raikkonen – 11″197
3 – Daniel Ricciardo (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 12″432
4 – Walter Grubmuller (Dallara-Mercedes) – Hitech – 12″724
5 – Carlos Huertas (Dallara-Mercedes) – Raikkonen – 17″877
6 – Riki Christodoulou (Dallara-Mercedes) – Fortec – 18″300
7 – Max Chilton (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 18″808
8 – Wayne Boyd (Dallara-Volkswagen) – T Sport – 20″560
9 – Henry Arundel (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 21″298
10 – Victor Garcia (Dallara-Mercedes) – Fortec – 21″379
12 – Adriano Buzaid (Dallara-Volkswagen) – T Sport – 25″383
14 – Gabriel Dias (Dallara-Mugen) – T Sport – 36″701
17 – Victor Correa (SLC-Mugen) – Litespeed – 1’00″244

Volta mais rápida: Max Chilton 1’16”309

Campeonato:

1. Ricciardo 210; 2. Grubmuller 165; 3. Van der Zande 157; 4. Chilton 105; 5. Buzaid 100; 6. Christodoulou 95; 7. Nakajima 84; 8. Arundel 74; 9. Tandy 68; 10. Ericsson 65

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *