F3 Inglesa: Dias sofre com pneus em Hockenheim

Curitibano usou o mesmo jogo de pneus nas duas corridas do final de semana, mas pontuou pela National Class.

Gabriel Dias teve outra corrida difícil neste final de semana em Hockenheim, na Alemanha, onde o Campeonato Britânico de Fórmula 3 realizou sua quarta rodada dupla da temporada 2009. O curitibano, que disputa o certame pela equipe T-Sport, terminou em segundo lugar na National Class, atrás de seu adversário Daniel McKenzie.

No geral, a vitória ficou com o austríaco Walter Grubmüller, seguido do holandês Roger van der Zande e pelo canadense Robert Wickens. Foi a primeira vez na temporada que a F3 Inglesa disputou uma rodada fora da Grã Bretanha. E para Gabriel, não foi nada fácil.

“Ganhei várias posições na largada, mas não consegui segurar porque meus pneus já eram mais velhos do que o restante da maioria do grid”
, contou Gabriel, que foi obrigado a fazer as duas provas do final de semana alemão com o mesmo jogo de pneus. “No primeiro classificatório um dos pneus ficou com o que chamamos de flat spot (em uma freada forte, em que um ponto do pneu fica em mais contato com o solo, sem rodagem), e não pudemos utilizá-lo. Então usei o meu segundo jogo para fazer as duas provas”, explicou.

Diante das dificuldades, restou ao curitibano da T-Sport administrar seu ritmo e terminar a prova. “Administrei a corrida somente para terminá-la, para levar o carro de volta aos boxes após a bandeirada, porque se eu abandonasse, o campeonato ia ficar mais difícil”, comentou.

A próxima rodada dupla do Britânico de F3 acontece no dia 5 de julho no circuito de Snetterton. “Vamos fazer um treino lá antes da corrida para ver o que será necessário melhorar no carro. Temos que trabalhar e torcer para recuperar a diferença que é grande, mas não é difícil de ser revertida. Há muitos pontos em disputa ainda pela frente e não vejo por que não posso recuperar”, afirmou o piloto curitibano.

Confira a classificação geral da National Class* do Campeonato Britânico de Fórmula 3 após oito corridas:

1-) Daniel McKenzie (Inglaterra) – 136 pontos
2-) Gabriel Dias (Brasil) – 87
3-) Victor Correa (Brasil) – 78

* A Fórmula 3 britânica é dividida em duas classes – que correm juntas – em virtude da diferença de equipamento: no National Class os carros são de fabricação anterior aos chassis atuais e possuem algumas restrições de rendimento, servindo como porta de entrada a jovens pilotos no campeonato. Os carros da International Class disputam o campeonato principal e são sensivelmente mais rápidos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *