F3 Inglesa: Gabriel Dias promete agressividade em Magny Cours

Piloto curitibano teve problemas de motor e não pôde aproveitar as três horas de treino livre nesta sexta-feira (21), na França.

Gabriel Dias terá de se valer de uma estratégia agressiva para o treino classificatório para a terceira rodada dupla do Campeonato Britânico de Fórmula 3, neste sábado (22), no circuito de Magny Cours, na França. O piloto curitibano teve um problema no motor de seu carro, o que consumiu muito tempo da equipe Hitech na troca do propulsor, e não pôde, assim, concluir a programação para o treino livre desta sexta-feira (21).
A sessão de hoje, que teve três horas de duração, seria uma boa oportunidade para que Dias se familiarizasse com o traçado francês, palco do GP da França de Fórmula 1 entre 1991 e 2008. “No começo do treino houve uma bandeira vermelha por causa de um acidente e tive que voltar para os boxes. Depois, quando voltei, estava trabalhando para conhecer a pista, mas estava com o quarto melhor tempo, perto dos líderes. Foi quando o motor do carro estourou”, realatou o paranaense.
O carro foi levado à garagem, mas a troca do propulsor só foi concluída faltando pouco tempo para o término da sessão. “Quando voltei para a pista, só foi possível completar mais duas voltas”, lamentou. “Foi uma pena, porque todo mundo teve três horas de treino e eu só fiquei na pista por 20 minutos”, disse Gabriel, que completou apenas 23 voltas, enquanto o líder do treino, o francês Jean-Eric Vergne, da Carlin, cronometrou 42 giros – o russo Max Snegirev, da Fortec, foi quem permaneceu mais tempo na pista, com 57 voltas. 
“Melhor que aconteça isso durante um treino livre do que em uma corrida”, resignou-se o paranaense, vencedor de uma das três corridas disputadas no início do mês em Silverstone, durante a segunda rodada do Campeonato, tornando-se o 29º brasileiro a vencer na F3 Inglesa. “Em um treino de três horas, o piloto pode ir melhorando gradualmente, mas ficamos duas horas e meia na garagem. Como não usei pneus novos e dei poucas voltas, ficamos sem muita base para trabalhar no acerto do carro. Então a solução será assumir riscos, tanto eu como a equipe, com um acerto que não sabemos se irá funcionar bem com pneus novos, e em uma tocada mais agressiva, já que tive pouco tempo anterior de pista comparado aos outros pilotos”, explicou.
Às 5h15 (de Brasília) acontece o treino classificatório, com duração de meia hora. A sessão definirá o grid para a primeira (às 9 horas deste sábado) e terceira corridas (às 10h40 de domingo); os dois melhores tempos de cada piloto valerão as posições de largada. A segunda prova tem largada programada para as 5 horas (de Brasília) deste domingo, e as posições do grid obedecerão a um sorteio entre os pilotos que terminarem a primeira corrida entre a sexta e a décima posição, que definirá o pole e o número de posições que serão invertidas.
Confira a programação oficial para Magny Cours (horário de Brasília):
SÁBADO (22/05):
05h15 às 05h45 – Treino Classificatório
09h00 às 09h30 – 1ª corrida
DOMINGO (23/05):
05h00 às 05h20 – 2ª corrida
10h40 às 11h20 – 3ª corrida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *