F3 Japonesa: Streit testa nova suspensão e é o quarto mais rápido em Fuji

Os pilotos da Fórmula 3 Japonesa, que disputarão a temporada 2006 com chassis Dallara, voltaram a testar nesta quinta-feira (dia 23) no circuito de Fuji. As equipes seguem os preparativos para o primeiro treino coletivo nos dias 7 e 8 de março, neste mesmo circuito, que será palco da etapa de abertura do campeonato em 1º de abril.


Treze carros testaram nesta quinta-feira e o mais rápido foi o alemão Adrian Sutil, da equipe Tom’s, com o tempo de 1min36s871. Kazuya Oshima, companheiro de Sutil, ficou com segundo (1min36s997).

O brasileiro Roberto Streit, que foi o mais rápido nos testes do início do mês em Okayama, terminou em quarto lugar (1min37s853). O compatriota Fábio Carbone ficou em oitavo (1min38s100). Os testes continuam nesta sexta-feira (24).

“Passamos o dia testando uma suspensão traseira nova (modelo 2006) e o resultado não foi tão bom quanto esperávamos”, comentou Streit, que esse ano passa a utilizar os chassis Dallara na categoria. “De qualquer maneira, estamos aprendendo como o carro funciona e acho que estamos no caminho certo”.

O piloto carioca foi o melhor estreante em 2005 na Fórmula 3 Japonesa e segue nessa temporada na equipe INGING Motorsport.

“Estamos testando o máximo de coisas agora para poder ter uma base boa para os testes coletivos. Aí sim, com todos os carros andando, veremos como realmente vamos estar para a primeira corrida do ano”, finalizou Streit, de 22 anos.

Os melhores no teste desta quinta-feira em Fuji:

1 – Adrian Sutil (Tom’s – Toyota) 1min36s871
2 – Kazuya Oshima (Tom’s – Toyota) 1min36s997
3 – Marco Asmer (Threebond – Nissan) 1min37s145
4 – Roberto Streit (Inging – Toyota) 1min37s853
5 – Hiroaki Ishiura (Torii – Toyota) 1min38s015
6 – Hideto Yasuoka (Tom’s – Toyota) 1min38s023
7 – Naoki Yokomizo (Inging – Toyota) 1min38s049
8 – Fabio Carbone (Threebond – Nissan) 1min38s100
9 – Motohiko Isozaki (Zap Speed – Toyota) 1min39s371
10 – Daisuke Ikeda (EMS – Toyota) 1min39s544

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *