F3 Sulamericana: Brasília pode ter a prova mais competitiva da temporada

Vários pilotos e equipes têm motivos para pensar em vitória na capital do país.

Em sua mais competitiva e “povoada” temporada da década, a Fórmula 3 Sul-americana poderá presenciar na capital do Brasil neste final de semana (09 e 10/6) uma rodada dupla das mais interessantes do ano. Em Brasília (DF) serão realizadas sétima e oitava etapas do campeonato, com diversas equipes e pilotos acreditando na vitória, cada um com seus diferentes motivos. A prova de domingo (10) será exibida pelos canais ESPN Brasil e Rede Vida.

Para Felipe Ferreira (Webmotors, CVC, Center Cargo, Hip Telecom e Puma), o principal objetivo é manter o desempenho apresentado pela equipe Bassan Motorsport no ano passado, quando Mario Morais conduziu o carro vermelho e branco para a vitória em Brasília. “Minha situação no campeonato não me deixa alternativas, é vencer ou vencer. Em 2006 o Marinho (Morais) ganhou uma prova e poderia levar a outra também, se não tivesse sido fechado por um adversário. Com base no desempenho dele, é minha obrigação manter o nível pela nossa equipe, que vem fazendo um ótimo trabalho”, justificou o jovem talento de 19 anos de idade.

Quem também pode se basear em retrospecto positivo é a Dragão Motorsport, que levou uma pole-position e um lugar mais alto do pódio na temporada passada no circuito da capital brasileira com o campeão Luiz Razia, e este ano conta com o paranaense William Starostik, vindo de uma recente vitória em Curitiba (PR).

E se os últimos resultados podem fazer a diferença, a equipe Amir Nasr Racing está em alta. Com sede dentro do próprio Autódromo Internacional Nelson Piquet, o time tem uma intimidade única com o acerto para este traçado, e ainda conta com a presença do brasiliense Felipe Guimarães, vencedor da última prova da rodada dupla no Paraná, além do goiano Rodolpho Santos.

Entre as que chegam com mais confiança está a Castilho Motorsport, que corre praticamente “em casa”, pois tinha sua sede no Distrito Federal até o final de 2006, e tem um dos pilotos mais bem adaptados a esta pista, o também brasiliense Geovani Cerutti, que dominou as duas corridas em Tarumã (RS) este ano.

Como não poderia deixar de ser, a equipe Cesário também deverá manter o habitual bom desempenho para o final de semana. Com o mineiro Clemente Faria Júnior, atual líder da competição e vencedor da primeira rodada dupla em Interlagos (SP), e com o paulista Mario Romancini, que já marcou uma pole-position este ano, o time certamente estará entre os mais bem preparados em Brasília.

Sem deixar dúvidas sobre a importância destas duas próximas etapas, Felipe Ferreira considera ainda que os resultados conquistados neste final de semana poderão mudar a tendência do campeonato, servindo como um divisor de águas na temporada. “Este será um desafio dos mais duros do ano, com muitos pilotos aparecendo como fortes candidatos. Ninguém tem a certeza de quem está em real vantagem, e isto poderá surpreender até os mais confiantes”, concluiu o representante de Webmotors, CVC, Center Cargo, Hip Telecom e Puma, que tem andado sistematicamente entre os seis mais rápidos na temporada.

Classificação do Campeonato Sul-Americano de Fórmula 3 após seis etapas:

1) Clemente Faria Jr (Cesário), 36 pontos;
2) Fernando Galera (PropCar), 30;
3) Geovanni Cerutti (Castilho), 29;
4) Ernesto Otero (Razia), 20;
5) Mário Romancini (Cesário), 18;
6) William Starostik (Dragão) e Fábio Beretta (Bassani), 14;
8) Denis Navarro (Bassani), 12;
9) Felipe Ferreira (Bassan) e Felipe Guimarães (Amir Nasr), 11;
11) Rafael Suzuki (Cesario), 10;
12) Douglas Soares (PropCar), 9;
13) Lucílio Baumer (Baumer) e Douglas Hiar (Comtec), 6;
15) Vinicius Quadros (Razia) e Nathan Silva (Razia), 1.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *