F3 Sulamericana: Categoria chega a metade da temporada

Sétima e oitava etapas do campeonato serão realizadas neste fim de semana no Autódromo Nelson Piquet, em Brasília. Disputa pelo título segue ainda mais acirrada que no ano passado, e envolve pelo menos cinco pilotos.


A Fórmula 3 Sul-Americana chega à metade de sua temporada 2007 neste fim de semana, com a realização da sétima e oitava corridas do campeonato no Autódromo Internacional Nelson Piquet, em Brasília. Com seis etapas já realizadas, a disputa pelo título segue ainda mais acirrada do que em 2006 – a temporada mais competitiva da categoria nos 13 anos anteriores –, já que pelo menos cinco pilotos disputam diretamente a primeira colocação.

A liderança é do mineiro Clemente Faria Jr. (Cesário Fórmula), que soma 36 pontos na classificação geral e tem seis pontos de vantagem para o segundo colocado, Fernando Galera (Prop Car Racing). Geovane Cerutti (Castilho Motorsport), com 29, Ernesto Otero (Razia Sports), com 20, e Mario Romancini (Cesário Fórmula), com 18, também chegam à Capital Federal na posição de principais adversários do mineiro na disputa pela primeira posição na tabela.

“A rodada dupla disputada há duas semanas em Curitiba embolou ainda mais o campeonato e colocou pelo menos cinco pilotos na disputa direta pelo título. Meu objetivo neste fim de semana é descontar parte da diferença que me separa do Clemente, para que eu possa iniciar a segunda metade do calendário com melhores chances de chegar ao fim do ano como campeão”, avaliou Ernesto Otero, quarto colocado na tabela e segundo melhor estreante na temporada.

Para atingir sua meta, o piloto carioca precisa terminar ambas as provas deste fim de semana à frente de seus principais adversários, e para isso aposta da experiência adquirida por sua equipe no circuito brasiliense para começar o fim de semana com um carro bem acertado.

“A Razia Sports tornou-se uma organização independente em 2007, mas teve sede em Brasília durante dois anos, no período em que dividia a estrutura técnica com a Dragão Motorsport”, lembrou Otero. “Por isso, acredito que tenhamos um carro bem acertado para essa pista, embora o set up atual seja diferente por causa da mudança no composto dos pneus”, acrescentou o piloto.

A Razia Sports foi fundada no início deste ano pelo pai do atual campeão da categoria, Luiz Razia, que venceu uma das provas disputadas em Brasília no ano passado. Além de Ernesto Otero, a equipe conta com dois outros pilotos: Nathan Silva e Vinícius Quadros. A exemplo de Otero, Nathan realizou dois treinos no circuito brasiliense no início desta semana, com o objetivo de se familiarizar com o traçado.

“Realmente esta é uma pista muito técnica e que exige concentração e coragem por parte do piloto”, avaliou Nathan. “A volta é muito longa, são muitos pontos de referência e por isso procuramos fazer estes treinos de adaptação, antes da programação oficial da Fórmula 3 começar para valer”, completou o paulista, que na etapa curitibana conquistou seu primeiro ponto no campeonato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *