F3 Sulamericana: Categoria volta à ativa com teste em Interlagos

Equipes e pilotos fazem na próxima quinta-feira (dia 29), o último teste coletivo antes da rodada final do campeonato.

Mais de dois meses depois da última corrida disputada, a Fórmula 3 Sul-Americana volta a roncar seus motores na próxima quinta-feira, dia 29, quando será realizado o último teste coletivo da temporada. Os pilotos e equipes terão duas sessões de treino – de duas horas cada – no Autódromo José Carlos Pace, o autódromo de Interlagos, em São Paulo. Além de voltar a treinar com os monopostos, esta será uma oportunidade que eles terão de conhecer o novo asfalto do circuito paulistano – totalmente reformado para o GP Brasil de Fórmula 1 em 2007. “Esse teste é importante, principalmente, para voltar a correr com um Fórmula 3 e também porque já podemos começar o trabalho visando a última rodada do ano, que vai ser em Interlagos também”, avalia o piloto Douglas Hiar (Tx Wear/RG 518), da Cesário Fórmula, que não corre pela categoria desde a etapa em Santa Cruz do Sul (RS), no dia 16 de setembro. Com 17 pontos no campeonato, Douglas também trabalha visando terminar a temporada entre os dez primeiros colocados da tabela de pontos. “Espero também brigar por pontos na última etapa. Aprendi muito sobre o carro e a categoria durante este ano e quero aproveitar isso para conseguir boas posições nas últimas provas”, comenta Hiar, que faz seu ano de estréia na categoria continental. A última rodada da Fórmula 3 Sul-Americana, valendo a 15ª e 16ª provas do ano, está marcada para o final de semana dos dias 15 e 16 de dezembro.

O treino em Interlagos também é uma oportunidade para os pilotos da Fórmula 3 conhecerem, na prática, o resultado das obras que foram feitas em Interlagos desde o mês de junho. Como preparação para o GP Brasil de Fórmula 1 2007, o principal autódromo do país recebeu um asfalto completamente novo – que foi bastante elogiado pelos pilotos de todas as categorias que passaram por lá desde então. “Muita gente elogiou bastante esse novo asfalto e eu também estou curioso para conhecer. Acredito que, como nas outras categorias, os tempos de volta da Fórmula 3 devem melhorar um pouco em relação à primeira etapa do ano, por exemplo”, aponta Douglas. “A pista tinha alguns pontos onde o carro pulava bastante e zebras que não podiam ser usadas. Espero que isso tenha sido corrigido”, diz o piloto.

A Fórmula 3 Sul-Americana já conhece o seu campeão de 2007. É o piloto mineiro Clemente Júnior, que conquistou o título em Santa Cruz do Sul, com uma rodada de antecipação. Com 102 pontos, Clemente não pode mais ser alcançado na tabela de pontos. Douglas Hiar ocupa atualmente a 12ª posição, com 17 pontos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *