F3 Sulamericana: Constantemente entre os cinco mais rápidos na pista, Felipe Ferreira revela seus planos para a segunda parte de 2007

Com a conclusão da primeira metade do Campeonato Sul-americano de Fórmula 3, após quatro rodadas duplas, os pilotos e equipes passam a computar o balanço geral até o momento e traçar seus novos objetivos, enquanto especialistas e torcedores começam a analisar o panorama da disputa pelo título e seus favoritos.

O novato paulista Felipe Ferreira (Webmotors/CVC/Center Cargo/Hip Telecom/Puma), com 13 pontos conquistados, está confiante em um segundo semestre ainda melhor pela frente. “Encaramos dificuldades em algumas destas corridas, mesmo com um bom carro, mas é uma questão de tempo para os resultados ficarem mais constantes. Estamos na direção certa para isso”, avaliou o piloto da Bassan Motorsport.

Nas oito classificações, Felipe esteve entre os seis primeiros por sete vezes. Já em corridas, o paulista terminou cinco das oito provas disputadas até aqui, cruzando a linha de chegada quatro vezes na zona de pontuação, e esteve presente em alguns momentos nesta área mesmo nas demais rodadas em que não completou. “A posição geral no campeonato não expressa o nosso desempenho, que está bem acima disso”, opinou o 10° colocado no certame, e que na maior parte do tempo manteve um ritmo entre os cinco mais rápidos nas pistas.

Os melhores momentos para o jovem novato nesta primeira metade de 2007 foram na abertura do certame, quando recebeu a bandeirada em terceiro na segunda etapa, e na terceira prova do certame, em Tarumã (RS), onde Felipe Ferreira largou na quarta posição e terminou em segundo, sua melhor colocação neste ano de estréia. “Sem dúvidas, aquele sábado em Tarumã foi o principal dia da minha carreira até agora, mas não me contentarei apenas com um segundo lugar”, destacou o representante de Webmotors, CVC, Center Cargo, Hip Telecom, e Puma, que está apenas em seu segundo ano no automobilismo.

Sem ter subido no lugar mais alto do pódio, Felipe Ferreira traça a vitória como objetivo nesta segunda parte do campeonato. “Nossa equipe faz um excelente trabalho e, mais cedo ou mais tarde, poderei comemorar com eles uma vitória. A meta é partir para a Argentina em busca destes resultados ainda não alcançados”, comentou o paulista. As próximas quatro corridas serão disputadas na terra dos “hermanos”, em Córdoba e Resistência, respectivamente, sendo o primeiro encontro nos dias 30 de junho e 01 de julho e o segundo três semanas depois. O atual líder da competição é o mineiro Clemente Faria Júnior (Cesário), com 56 pontos somados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *