F3 Sulamericana: Felipe Ferreira parte para o circuito onde iniciou sua carreira

Curitiba sediará quinta e sexta etapas da competição neste final de semana.

O novo desafio da Fórmula 3 Sul-americana, que será realizado neste final de semana (26 e 27/5) no Autódromo Internacional de Curitiba, em Pinhais (PR), terá um significado especial para o paulista Felipe Ferreira (Webmotors/CVC/Center Cargo/Hip Telecom/Puma). Além de ser em um circuito que agrada ao jovem talento, representa o marco inicial de sua carreira no automobilismo, já que no ano passado fez sua estréia na extinta Fórmula Renault. “Curitiba é uma das pistas mais seletivas do país, e logo de cara me identifiquei com ela. Temos condições de fazer um ótimo trabalho para este final de semana, pois a equipe também é bastante experiente no acerto para lá”, ressaltou o piloto da Bassan Motorsport. A sexta etapa da temporada 2007 terá transmissão ao vivo da ESPN Brasil no domingo (27/5), além de exibição do VT na Rede Vida.

A história do início das competições de carro para Felipe Ferreira é curiosa, já que em 2006 ele foi obrigado a fazer na sexta-feira de manhã, logo antes dos treinos livres da F-Renault em Curitiba, o curso de pilotagem para tirar a carteira de piloto. “Eu só tinha corrido de kart em 2005, e ainda por cima tinha apenas a licença de kart da categoria Novatos”, relembrou o piloto, que só teve sua inscrição aceita após aprovação do curso e da CBA (Confederação Brasileira de Automobilismo) minutos antes de sentar em seu carro para o primeiro treino oficial. “Foi um sufoco, pois não tive a orientação da minha equipe na ocasião, e quando fui me inscrever no final da tarde de quinta-feira, negaram a minha participação. Foi uma correria danada, e na sexta-feira, às sete horas da manhã, eu estava andando de Clio da escola de pilotagem para tirar a minha carteira”, contou Ferreira, que hoje se diverte com a situação que passou.

O resultado da estréia de Felipe foi animador, e o paulista mostrou sua capacidade que hoje, aprimorada, o coloca na Fórmula 3. Naquele sábado, o então estreante fez uma incrível corrida de recuperação, largando em último, mas chegando na sexta colocação e pontuando logo de cara. “A primeira a gente nunca esquece, ainda mais quando o resultado é bom. Mas agora já se passou um pouco mais de um ano, e não vou me contentar em apenas pontuar nessa pista em 2007”, avisou o representante da Webmotors, CVC, Center Cargo, Hip Telecom e Puma, que subiu no pódio na última rodada realizada, em Tarumã (RS), quando chegou em segundo na terceira etapa.

Ferreira espera marcar grandes resultados na capital paranaense, assim como nas etapas gaúchas, onde terminou com um segundo lugar no sábado, e um sexto – apesar de problemas de embreagem – no domingo. “Nossa meta é de alcançar os líderes do campeonato, e vejo nesta rodada uma boa chance de diminuirmos a diferença. Brigarei pela vitória, e só sairei satisfeito se eu subir ao pódio nas duas provas”, completou o animado piloto, que no seu único ano no kartismo, foi vice-campeão paranaense de 2005, justamente no Kartódromo Raceland, que fica anexado ao autódromo.

O atual líder do campeonato é o mineiro Clemente Faria Júnior (Cesário), com 28 pontos, seguido do paulista Fernando Galera (PropCar) e do brasiliense Geovani Cerutti (Castilho), ambos com 21 pontos. Felipe Ferreira (Bassan) tem 11 e se situa em sexto, posição que não traduz fielmente a realidade, já que o paulista andou sempre entre os quatro mais rápidos em praticamente todos os treinos.

Foto: Fabio Oliveira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *