F3: Temos fôlego para brigar pela vitória, diz Diego Nunes

Segundo colocado no treino coletivo, Diego deixou Interlagos com uma certeza: “Estamos perto da vitória. A briga agora é dentro da oficina”.

Em termos de números na folha de tempos, o resultado do treino coletivo da Fórmula 3 Sul-Americana em Interlagos não foi exatamente o que o paulista Diego Nunes (Chocolates Garoto/Aura) esperava. Apesar de seu Dallara/Berta não apresentar o desempenho planejado pelo engenheiro Ruben Borges, ele foi o segundo colocado com a marca de 1:30.14, contra 1:29.69 do baiano Luiz Razia (Dragão Motorsport/Cia Athlética). Mas mesmo assim Diego soube ver pontos positivos em sua performance:


“Não atingimos nossa meta de trabalho, talvez pelas condições da pista”, comentou ele. “Mas ficamos a apenas meio segundo do primeiro colocado. Então isso mostra que temos fôlego para brigar pelo título na rodada dupla final. A briga agora é na oficina, pois precisamos deixar nosso Dallara/Berta impecável, pronto para o grande momento da temporada. O desempenho dos líderes está tão parecido que acho até que talvez o título de 2006 seja decidido pelo trabalho de bastidor das equipes, no desenvolvimento que conseguirem arrancar na última hora”, completa.


A rodada dupla que definirá o campeão da temporada está marcada para os dias 25 e 26 de novembro, também na pista de Interlagos. Por isso, o treino coletivo foi visto como sendo de importância capital para os postulantes ao título: “Foi uma oportunidade de afinar nosso acerto”, comentou o piloto da Chocolates Garoto/Aura. “O problema é que a pista estava com uma condição atípica, até estranha. Havia muita borracha deixada pelos carros da Fórmula 1 por época do GP do Brasil. Além disso, há um trecho, que chamamos de Mergulho, no qual o asfalto parece estar esfarelando. Então, a aderência ficou comprometida e todos tiveram desempenho abaixo do esperado, uns mais e outros menos”, completa o piloto da Bassani Racing.


Além de Diego, também brigam pelo título Luiz Razia e o paulista Mário Moraes (Votorantin). “O Marinho (Moraes) é um que deve vir para a frente. Ele vai brigar pela vitória, com certeza. O resultado deste treino não espelha o potencial dele em Interlagos. Então, com certeza teremos uma briga inesquecível pelo primeiro lugar, na qual vencerá quem errar menos”, conclui o piloto da Chocolates Garoto/Aura.


Confira os oito primeiros do treino coletivo em Interlagos:
1) Luiz Razia (Dragão Motorsport), 1min29s66;
2) Diego Nunes (Bassani Racing), 1min30s14;
3) Fernando Galera (Prop Car Racing), 1min30s68;
4) Bia Figueiredo (Cesário Fórmula) e Mário Moraes (Bassan Motorsport), 1min30s80;
6) Clemente Faria Júnior (Cesário Fórmula), 1min31s06;
7) Fábio Beretta (Dragão Motorsport), 1min31s32;
8) Pedro Nunes (Dragão Motorsport), 1min31s90.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *