F4 Sul-americana: Campeonato entra na reta final com etapa em Termas de Río Hondo

Categoria continental abre nesta sexta-feira a programação da sexta etapa da temporada 2015 e da terceira e última rodada dupla da Copa Argentina

A F4 Sul-americana realiza neste fim de semana a sexta etapa da temporada 2015 e a terceira e última rodada da Copa Argentina no moderníssimo Autódromo Termas de Río Hondo, na Argentina. A categoria continental entra na reta final com promessas de disputas intensas pela liderança dos dois campeonatos. O brasileiro Pedro Cardoso, na temporada regular, e o peruano Rodrigo Pflucker, no minitorneio que dará um prêmio de 50 mil pesos argentinos (cerca de cinco mil dólares) ao vencedor, estão na frente com poucos pontos de vantagem sobre o vice-líder, o uruguaio Juan Manuel Casella.

O circuito de Termas de Río Hondo, localizado na província de Santiago Del Estero, é considerado um dos melhores do país vizinho. Recebe, entre outras categorias de peso do automobilismo argentino, o Mundial de MotoGP e possui um traçado de 4.804 metros com 14 curvas, sendo nove à direita e cinco à esquerda. Será a primeira vez que a F4 Sul-americana desembarcará no traçado argentino e a quarta vez no país – além de Termas, a categoria já correu em Concórdia, no ano passado, e em Córdoba e Chaco neste ano. 

A sexta etapa será no formato de rodada tripla – três corridas no fim de semana – e coloca em jogo 25 pontos por cada vitória, mais o ponto extra da pole e um para a volta mais rápida de cada corrida. Apenas oito pontos separam o líder Cardoso de Casella na temporada e 13 entre Pflucker e o uruguaio na Copa Argentina. Depois de Termas, o campeonato prossegue com mais duas etapas até o fim do ano em El Pinar, no Uruguai, e em local a ser definido no Brasil ou Uruguai. 

Pedro Cardoso, líder da temporada: “Não conheço na prática a pista de Termas, mas sei que é muito moderna e recebe campeonatos importantes. Assim, acredito que seja um traçado bem interessante. Já vi alguns vídeos, mas é difícil falar das características sem nunca ter andado. Quero manter o bom momento, abrir mais vantagem na liderança da temporada e, claro, ser campeão da Copa Argentina”. 

Rodrigo Pflucker, líder da Copa Argentina: “O circuito é muito moderno e acho que vamos ter as melhores corridas do ano devido às características do traçado, que possui curvas rápidas e difíceis. Espero continuar com o desempenho das duas últimas etapas e quero vencer de novo. O campeonato está totalmente aberto e tudo pode mudar após as provas do fim de semana”. 

Classificação do campeonato:

1) Pedro Cardoso (BRA) – 164 pontos

2) Juan Manuel Casella (URU) – 156 pontos

3) Rodrigo Pflucker (PER) – 132 pontos

4) Pedro Caland (BRA) – 97 pontos

5) Leandro Guedes (BRA) – 92 pontos

6) Federico Iribarne (ARG) – 62 pontos

7) Diego Muraglia (URU) – 55 pontos

8) Francisco Cammarota (URU) – 45 pontos

9) Agustín Lima Capitao (ARG) – 42 pontos

10) Bruna Tomaselli (BRA) – 36 pontos

11) Lorenzo Mauriziano (CHI) – 32 pontos

12) Nicolás Muraglia (URU) – 30 pontos

13) Maximiliano Soto Zurita (CHI) – 27 pontos

14) Baltazar Leguizamón (ARG) – 14 pontos

15) Daniel Duarte (BRA) – 8 pontos

16) Jorge Matos (EQU) – 6 pontos

Classificação da Copa Argentina:

1) Rodrigo Pflucker (PER) – 78 pontos

2) Juan Manuel Casella (URU) – 65 pontos

3) Pedro Cardoso (BRA) – 59 pontos

4) Pedro Caland (BRA) – 43 pontos

5) Bruna Tomaselli (BRA) – 36 pontos

6) Federico Iribarne (ARG) – 29 pontos

7) Leandro Guedes (BRA) – 29 pontos

8) Maximiliano Soto Zurita (CHI) – 27 pontos

9) Baltazar Leguizamón (ARG) – 14 pontos

10) Lorenzo Mauriziano (CHI) – 8 pontos

11) Daniel Duarte (BRA) – 6 pontos

Calendário 2015:

1ª etapa – 24 de maio – El Pinar (Uruguai)

2ª etapa – 7 de junho – Santa Cruz do Sul (Brasil)

3ª etapa – 19 de julho – Mercedes (Uruguai)

Copa Argentina

4ª etapa – 16 de agosto – Córdoba (Argentina)

5ª etapa – 13 de setembro – Chaco (Argentina)

6ª etapa – 4 de outubro – Termas de Río Hondo (Argentina)

Etapas restantes

7ª etapa – 8 de novembro – El Pinar (Uruguai)

8ª etapa – 6 de dezembro – A confirmar (Brasil/Uruguai)

Programação do fim de semana (horário de Brasília):

Sexta-feira (02/10)

12h35 às 13h05 – 1° Treino livre

14h15 ás 14h45 – 2° Treino livre

17h45 às 18hs – Classificação

Sábado (03/10)

08h45 às 09h10 – Corrida 1 (25 minutos)

17hs às 17h25 – Corrida 2 (25 minutos)

Domingo (04/10)

08h50 às 09h15 – Corrida 3 (25 minutos)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *