FIA GT: Jaime pode se tornar segundo paranaense a conquistar um título no Mundial FIA GT

Piloto de Cascavel lidera classe GT2 pela Ferrari e pode comemorar o título que Ricardo Zonta obteve em 1998, com a Mercedes, na GT1.

 



O automobilismo do Paraná poderá conquistar na manhã de domingo (15) seu segundo título no Campeonato Mundial FIA Gran Turismo. Jaime Melo Júnior, piloto de Cascavel, é o líder da classe GT2, formando dupla com o italiano Matteo Bobbi, e poderá se tornar campeão por antecipação na nona e penúltima etapa. A prova será disputada no circuito de Adria, na Itália, onde os treinos livres e oficiais serão disputados neste sábado (14).

Melo e Bobbi pilotam a Ferrari 430 GT Maranello da AF Corse e lideram a classificação do campeonato com 67 pontos. Têm 12 a mais que Mika Salo e Rui Aguas, integrantes da outra dupla da equipe italiana. Se terminarem a corrida em Adria à frente dos vice-líderes, serão campeões. O título poderá ser definido por antecipação se Melo e Bobbi forem ao pódio a uma posição de Salo e Aguas, ou ficarem entre os seis primeiros, duas posições atrás.

“Existe a chance de conquistarmos o título aqui, mas precisamos lembrar que ainda faltam duas corridas para o campeonato terminar”, frisa o brasileiro. “Se o título vier já nessa corrida, vamos comemorar bastante, mas não contamos com isso. Nós vamos para a pista de olho em mais um bom resultado, mais um pódio, quem sabe a terceira vitória. Nosso trabalho aqui está focado apenas na corrida”, comenta. A AF Corse já é campeã entre as equipes.

O piloto de 26 anos vive a expectativa de se tornar o segundo paranaense a conquistar um título no Mundial FIA GT. O primeiro foi Ricardo Zonta de Curitiba, campeão da classe GT1 em 1998. Zonta e o alemão Klaus Ludwig, seu parceiro na AMG Mercedes-Benz, obtiveram cinco vitórias quatro segundos e um quarto lugar. Marcaram 77 pontos, oito à frente do australiano Mark Webber e do alemão Bernd Schneider, também da AMG, vice-campeões.

A programação para a etapa de Adria será aberta no sábado. Serão duas sessões de treinos livres de 90 minutos, às 4h35 e às 9h. O treino classificatório será aberto às 12h30. A corrida de domingo, com duração estimada de três horas, terá largada às 8h30 – todos os horários são referentes a Brasília. A décima etapa do Mundial, encerrando a temporada, será disputada no dia 18 de novembro na pista de Dubai, nos Emirados Árabes Unidos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *