Fórmula São Paulo: Disputa pelo título promete ser ainda mais equilibrada

Na próxima sexta-feira (30/11), no autódromo de Interlagos, começam as primeiras atividades para a rodada dupla que define o título da temporada 2007 da Fórmula São Paulo, única categoria de monopostos em atividade regular no Brasil. Cinco pilotos ainda podem levar a taça. O favorito ao título é o mineiro Victor Corrêa (Unifenas/Flash Power/Raster), que com os três descartes obrigatórios soma 92 pontos, 21 de vantagem sobre o paulista Caio Lara (O Corsário Motel/Eclipse Hotel) e o catarinense Allisson Paulinelli (Virtual Panorâmico), que dividem a segunda colocação. Uma vitória na primeira corrida já lhe garante o título. A nona etapa do ano acontece no sábado (01/12) e a última etapa no domingo (02/12).

A disputa promete ser ainda mais acirrada do que já se imaginava. Nos testes particulares realizados nesta quinta-feira (29/11) no circuito paulistano, todos os candidatos ao título andaram com os tempos muito próximos. “Isso prova que nada está decidido e eu preciso me dedicar ao máximo para ser campeão”, afirma Victor Correa. O alfenense da Alpie Competições tem bom retrospecto na pista, onde obteve três de suas quatro vitórias no ano.

Uma das atrações do fim de semana e que chamou a atenção de todos os jovens pilotos da categoria foram os potentes carros da GT3 Brasil, categoria de turismo que também compete em São Paulo no fim de semana. Os protótipos de marcas como Ferrari, Jaguar, Porsche e Lamborghini são o sonho de consumo não só de pilotos, mas de todos os apaixonados por automobilismo.

O representante da Unifenas/Flash Power/Raster teve a oportunidade de conhecer alguns deles e ficou encantado. “Na verdade eu já conhecia todos eles, mas só no vídeo-game”, brinca o piloto de 17 anos. “Mas vê-los de perto foi sensacional”, conta o líder do campeonato. E se pudesse escolher um deles pra levar pra casa, Correa já até sabe qual. “O Lamborghini Gallardo, com certeza. O carro é muito bonito e deve ser ótimo de dirigir”, finaliza.

Na Fórmula São Paulo todos os monopostos utilizam chassi Techspeed equipados com motor AP 1.8, com 136 cavalos de potência, que chegam a 230 km/h. O câmbio utilizado é o Hewland, o mesmo usado na Fórmula 3 Sul-Americana. Para deixar a disputa com maior igualdade, há apenas um preparador de motores para todos os competidores.

Está é a programação da Fórmula São Paulo para o fim de semana:

30/11 – Sexta-feira
08h40 às 09h10 – Treinos Livres
12h20 às 12h50 – Treinos Livres

01/12 – Sábado
08h35 às 09h – Classificação
13h20 – Largada da 9ª etapa (18 voltas ou 35 minutos de duração)

02/12 – Domingo
08h45 – Largada da 10ª etapa (18 voltas ou 35 minutos de duração)

Classificação do Campeonato Paulista de Fórmula São Paulo após nove etapas:
(Entre parênteses, pontuação com descartes dos 3 piores resultados)

1) Victor Corrêa (MG), Unifenas/Flash Power/Alpie Competições, 109 (92);
2) Caio Lara (SP), O Corsário Motel/Eclipse Hotel/Alpie Competições, 97 (71);
3) Allisson Paulinelli (SC), Virtual Panorâmico, 79 (71);
4) Márcio Pasaneli (AM), Proview/Gov. Amazonas/Alpie Competições, 69 (65);
5) Henrique Lambert (RJ), Body Nutry/VP2/Oktane/Sygenta/Consulti, 56 (56);
6) Thiago Calvet (RJ), Alfaparf/Iaconelli, 52 (47);
7) Felipe Leonardos (SP), Opus Papéis/Massoni Racing, 51 (45);
8) José Amorim Junior (SP), Fiolux/Art Lux/EMB Racing, 35 (35);
9) Werner Neugebauer (RS), Harald/PropCar, 26 (26);
10) Thiago Armentano (SP), Ecco/Cards and Co/Dragão Motorsport, e Paulo Meyer (SP), Interkart, 13 (13);
12) Gabriel Tojal (SP), Agecom/Vorax/BEM Racing, 11 (11);
13) Leandro Florenzo (SP), Dynamics Perícias/Phebem, 8 (8);
14) Nilton Molina (SP), Mongeral/PropCar, 5 (5);
15) Rafael Suzuki (SP), Shutt, e Vinicius Mauri (SP), Prismex/Iza Plast, 4 (4).

Foto: Claudio Kolodziej

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *