FRenault Européia: Cantelli Jr. faz sua estréia no automobilismo Europeu

E mais um piloto brasileiro iniciou sua carreira no exterior. Depois de fazer bonito no Brasileiro de Fórmula Renault, onde até a metade do campeonato ocupava a quinta colocação, Claudio Cantelli Jr. (Agrícola Cantelli) disputou no último final de semana, em um dos templos do automobilismo mundial, Nurburgring, sua prova de estréia na Europa.

Cantelli Jr., competindo pela equipe Graff, disputou a quarta rodada dupla do Campeonato de Fórmula Renault Européia, a Euro Cup, e voltou para o Brasil extremamente satisfeito. “Competi em duas provas, com grid de 39 pilotos de altíssimo nível. Consegui, mesmo enfrentando problemas, completar as duas provas, meu principal objetivo para a estréia, e saí muito satisfeito”, avaliou Cantelli Jr.

Depois de treinar apenas 20 minutos em pista seca – o segundo treino, de 30 minutos, foi com pista molhada – Cantelli Jr. foi direto para a tomada de tempos, ainda buscando adaptação ao circuito, e obteve a 27ª posição no grid de largada para as duas provas. “Já aí fiquei bastante contente. Atrás de mim ficaram 12 pilotos que certamente eram mais experientes do que eu na categoria”, contou o piloto paranaense.

Na largada da primeira prova, Cantelli Jr. ganhou quatro posições, mas na segunda volta foi atingido por um concorrente e acabou perdendo o aerofólio traseiro. Com isto, passou a ‘virar’ cerca de 1,5 segundos mais lento que o líder da competição. Mesmo assim, correu 12 voltas desta maneira e terminou a prova na frente de três pilotos com aerofólio. “Nurburgring é uma pista de altíssima velocidade e andar sem o aerofólio traseiro é um prejuízo muito grande. Mas mesmo assim consegui me manter na pista e terminar a prova”, disse o piloto da Agrícola Cantelli.

A segunda prova foi marcada por problemas de embreagem no carro do piloto brasileiro, que se refletiram em dificuldades na retomada da velocidade. A prova foi bastante disputada, com poucos abandonos, e Cantelli Jr., ressentindo-se dos problemas na embreagem e no acerto do carro, não conseguiu recuperar posições.

Ao fim das duas provas, vencidas pelo português Filipe Albuquerque, Cantelli Jr. terminou em 30º e 28º, respectivamente. O resultado na pista, porém, não refletiu a satisfação do piloto brasileiro. “Aprendi mais um pouco a respeito de disputas de posição e também a reação de um pneu Michelin, já que no Brasil só se usa Pirelli. O nível dos pilotos que competem na Renault européia é altíssimo, muitos campeões do kartismo europeu estão lá, por isto acho que tenho muitos motivos para comemorar. A categoria é recheada de ‘tubarões’ e é uma das mais difíceis e competitivas do automobilismo europeu”, contabilizou Cantelli Jr. “É para ela que os pilotos da Europa migram quando saem do kart e todos sabemos que o kartismo europeu é disputadíssimo. Estou muito feliz mesmo, acho que foi uma vitória”, comemorou.

A partir de agora, Cantelli Jr. trabalha para viabilizar sua participação nas três últimas etapas da competição, que serão disputadas na Inglaterra, França e Espanha. “Faltam alguns poucos detalhes, mas espero estar lá. O principal objetivo é ganhar experiência, para fazer um bom campeonato em 2007”, finalizou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *