FRenault: Treinos extras em Brasília beneficiam os estreantes da temporada

Programação da terceira rodada dupla do calendário, que será realizada nos dias 3 e 4 de junho no Distrito Federal, começa já na próxima quinta-feira.

A inclusão de mais um dia de treinos para os pilotos da Fórmula Renault na programação oficial da terceira rodada dupla da temporada, marcada para os dias 3 e 4 de junho no Autódromo Nelson Piquet, em Brasília, vai beneficiar em especial o grupo de estreantes na categoria – que neste ano corresponde a cerca de 50% do grid.

O circuito brasiliense, considerado um dos mais técnicos do Brasil, é desconhecido de praticamente todos os novatos e esteve fechado para treinos nos últimos meses por questões burocráticas envolvendo a prefeitura da cidade e a administração do circuito. Por esse motivo, a inclusão de um dia extra de treinos na programação foi comemorada pelos pilotos recém-chegados à categoria, já que deu a eles mais tempo para se acostumar aos segredos do traçado mais longo do Brasil.

“A pista de Brasília tem 5.475 metros, ou quase o dobro do tamanho de outros circuitos em que corremos ao longo do campeonato. O miolo é cheio de macetes e algumas curvas, como a da Bruxa, precisam de uma boa seqüência de voltas para serem contornadas com perfeição. Tudo isso privilegia os pilotos mais experientes e, por esse motivo, vamos precisar muito desse treino extra para fazer frente aos veteranos da categoria”, disse o paulista Mario Romancini, sexto colocado no campeonato.

Em sua temporada de estréia no automobilismo depois de uma carreira bem-sucedida no kart – que inclui participações no Campeonato Mundial, uma pole position no Panamericano da modalidade e dois títulos da Copa Petrobras – Romancini acredita estar se adaptando dentro do prazo previsto para este ano, e planeja a realização de treinos em monopostos de outras categorias para acelerar seu aprendizado.

“Como o autódromo ficou fechado muito tempo e chegou-se, por causa disso, até mesmo a cogitar a mudança do local da prova do próximo fim de semana, não tivemos como fazer testes com outros carros em Brasília. Mas essa é uma estratégia que pode dar um bom resultado e por esse motivo tem sido bastante comum nessa temporada”, opinou Romancini.

Após a rodada dupla do Distrito Federal, o Renault Speed Show volta a correr no autódromo de Tarumã (RS), nos circuitos de rua de Salvador e Vitória, e se encerra após duas rodadas consecutivas em São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *