FSão Paulo: Jovens pilotos retornam a Interlagos para a terceira etapa da competição

Três primeiros colocados estão separados por apenas quatro pontos.

O Campeonato Paulista de Fórmula São Paulo chega na sua terceira etapa da temporada 2007, que será realizada no próximo final de semana (08/4) no Autódromo de Interlagos, na capital paulista, e suas equipes e pilotos preparam-se para acirrar ainda mais a disputa, neste que é o único certame nacional de jovens talentos em monopostos. Com uma diferença de apenas quatro pontos separando os três primeiros colocados, a fase de franca ascensão coloca a competição totalmente aberta e indefinida.

Entre os protagonistas até o momento, estão três jovens pilotos de diferentes estados. O mineiro Victor Corrêa (Unifenas/Flash Power/ lpie Competições), com sua vitória na abertura do campeonato sob forte chuva, o catarinense Alisson Paulinelli (Virtual Panorâmico/Dragão Motorsport), mais experiente do grid e que venceu a segunda corrida, e o amazonense Márcio Pasaneli (Proview/Gov. Amazonas/Alpie Competições), novato que lidera o certame com um segundo e um terceiro lugar.

A situação do campeonato deixa a regularidade de Pasaneli na liderança com 27 pontos, enquanto Paulinelli e Corrêa estão na segunda e terceira posições da tabela, respectivamente somando 24 e 23 pontos, uma vitória cada, e a espera de uma reação já na terceira rodada. “Estou confiante em mais um bom resultado. Na segunda etapa, o sétimo lugar ao final foi por conseqüência de problemas elétricos, mas a equipe Alpie faz um ótimo trabalho e estou certo de que iremos retornar à disputa dos primeiros lugares”, afirmou Victor, o mineiro da cidade de Alfenas.

Criada há cinco anos, a Fórmula São Paulo era vista como uma alternativa de baixo custo em relação à Fórmula Renault. Com a ausência da categoria apoiada pela montadora francesa no cenário nacional neste ano, a competição paulista passou a ser a única categoria brasileira de monopostos em atividade no momento, e preparatória dos pilotos que desejam prosseguir para as modalidades internacionais, como a Fórmula 3, e por isso está reunindo pilotos de sete estados diferentes no total.

Na Fórmula São Paulo todos os monopostos utilizam chassi Techspeed equipados com motor AP 1.8, com 136 cavalos de potência, que chegam a 230 km/h. O câmbio utilizado é o Hewland, o mesmo usado na Fórmula 3 Sul-Americana. Para deixar a disputa com maior igualdade, há apenas um preparador de motores para todos os competidores.

Confira a classificação do Campeonato Paulista de Fórmula São Paulo após duas etapas:
1) Márcio Pasaneli (AM), Proview/Gov. Amazonas/Alpie Competições, 27 pontos
2) Alisson Paulinelli (SC), Virtual Panorâmico/Dragão Motorsport, 24
3) Victor Corrêa (MG), Unifenas/Flash Power/Alpie Competições, 23
4) Caio Lara (SP), O Corsário Motel/Eclipse Hotel/Alpie Competições, 21
5) Thiago Calvet (RJ), Alfaparf/Iaconelli, 18
6) Werner Neugebauer (RS), Harald/PropCar, 12;
7) José Amorim Junior (SP), Fiolux/EMB Racing, 10;
8) Leandro Florenzo (SP), Dynamics Perícias/PropCar, 8
9) Paulo Meyer (SP), Interkart, 6
10) Thiago Armentano (SP), Ecco/Cards and Co/GTM2, 4
10) Rafael Suzuki (SP), Shutt/Phebem, 4;
12) Gabriel Tojal (SP), Agecom/Vorax/GTM2, 3
13) Felipe Leonardos (SP), Opus Papéis/Massoni Racing, 2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *