FTruck: Tricampeão da Fórmula Truck quer aposentar as muletas em fevereiro

O tricampeão brasileiro de Fórmula Truck, Wellington Cirino, da equipe ABF/Mercedes-Benz, segue sua rotina diária de fisioterapia, recuperando-se do grave acidente que sofreu em julho, nos treinos livres para a etapa de Londrina, quando sofreu onze fraturas, sendo oito no tornozelo esquerdo, uma na tíbia esquerda, uma a fíbula esquerda e uma na mão direita. Cirino quer aposentar as muletas em fevereiro e passar usar uma bengala.

Segundo Wellington Cirino, uma nova avaliação médica será feita na Santa Casa de Londrina provavelmente dia 10 de fevereiro, quando os médicos irão decidir se ele já pode soltar carga na perna esquerda. “Estou fazendo fisioterapia todos os dias, seguindo a risca as recomendações médicas. Na abertura da temporada, dia 19 de março, estarei apenas com uma bengala. Quero estar bem fisicamente porque a temporada será muito difícil”, prevê Cirino.

Cirino conquistou o título do ano passado, sagrando-se tricampeão, mesmo não tendo participado de três etapas. Nas duas últimas etapas, em Porto Alegre e Brasília, ele correu com proteção especial na perna que sofreu as fraturas e se locomovia com o auxílio de muletas. Obteve um segundo lugar em Porto Alegre e um terceiro em Brasília, resultados que o levaram a ser o primeiro piloto a chegar ao tricampeonato na Fórmula Truck.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *