GP2 Asiática: Filippi é desclassificado e Buemi herda a vitória

Não deu nem tempo do piloto Luca Filippi comemorar a vitória na 3ª etapa da Fórmula GP2 Ásia, disputada hoje no circuito de Sentul, Indonésia. O italiano foi desclassificado por ter usado pneus de seu companheiro de equipe, o japonês Hiroki Yoshimoto. Um dos beneficiados pela confusão da equipe Qi-Meritus Mahara foi o brasileiro Bruno Senna, que ficou com a 7ª colocação, somou mais um ponto na classificação e vai largar na primeira fila na “sprint race” de amanhã. O suíço Sebastien Buemi herdou a vitória.

A entrada do safety car logo na segunda volta da prova fez com que a maior parte dos pilotos entrasse nos boxes para um pit stop não planejado. Filippi foi um deles, enquanto seu companheiro Yoshimoto ficou na pista. Na confusão, a equipe colocou os pneus traseiros do japonês no carro errado. Além de perder os dez pontos que somaria com a vitória, o piloto italiano terá que largar do fim do grid na corrida de amanhã.


Com a desclassificação de Filippi, Bruno Senna pulou da 8ª para a 7ª colocação, somando mais um ponto na tabela. Com o resultado da 3ª etapa, o brasileiro caiu para a terceira posição no campeonato, um ponto atrás do espanhol Adrian Vallés, segundo na prova de hoje. Pelo sistema de grid invertido adotado pela GP2, Bruno terá boas chances de recuperar a vice-liderança amanhã, quando largará em segundo, enquanto Vallés partirá da 7ª posição. Apenas os seis primeiros pontuarão na “sprint race”, que será cumprida em 31 voltas e começará às 3 horas pelo horário de Brasília.


Resultado da 3ª etapa da Fórmula GP2 Ásia:


1 – Sebastien Buemi (Suiça), Arden, 46 voltas em 1h10min28s016
2 – Adrian Vallés (Espanha), FMS International, + 9s206
3 – Ben Hanley (Inglaterra), Campos GP, + 11s139
4 – Romain Grosjean, (França), ART GP, + 16s301
5 – Vitaly Petrov (Rússia), Campos GP, + 27s840
6 – Milos Pavlovic (Sérvia), BCN Competición, + 41s163
7 – Bruno Senna (Brasil), iSport International, + 43s257
8 – Fairuz Fauzy (Malásia), Super Nova Racing, + 48s685
9 – Stephen Jelley (Inglaterra), ART Grand Prix, + 48s780
10 – Michael Herck (Romênia), FMS International, + 71s539


Melhor Volta: Bruno Senna – 1min15s686, volta 43.


Classificação do campeonato:


1) Romain Grosjean, 24 pontos; 2) Adrian Vallés, 13; 3) Bruno Senna, 12; 4) Sebastien Buemi, 10; 5) Fairuz Fauzy, 7; 6) Andy Soucek, Hiroki Yoshimoto, Karun Chandhok, Ben Hanley e Vitaly Petrov, 6; 11) Luca Filippi, 4; 12) Milos Pavlovic, 3; 13) Alberto Valério, 2; 14) Davide Valsecchi, 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *