GP2 Asiática: Pista conhecida aumenta chances de Bruno Senna na GP2

Estréia em 2007 no Bahrein foi a melhor de um brasileiro na história da categoria.

Dezessete pontos atrás do líder Romain Grosjean, Bruno Senna pode contar com um importante trunfo neste fim de semana em sua corrida rumo ao título da Fórmula GP2 Ásia. A 7ª e 8ª etapas serão disputadas no circuito de Sakhir, no Bahrein, exatamente onde se tornou o melhor estreante brasileiro na história da categoria. No ano passado, Bruno surpreendeu ao classificar-se em 5º no grid da primeira etapa da série principal e terminar a prova na 4ª colocação.


Bruno sabe que precisa descontar a vantagem do francês da ART Grand Prix se quiser continuar sonhando ser campeão do torneio asiático, mas não esconde a confiança. “Andei muito bem lá no ano passado. Agora, com um carro mais competitivo, não vejo porque não possa me sair ainda melhor”, imagina Bruno, que deveria seguir de Londres para o Bahrein no final da tarde de hoje. “O circuito também é daqueles que gosto. Pena que a potência do motor tenha sido reduzida em 100 cavalos na GP2 Ásia”, lamenta.


Embora continue na perseguição ao ponteiro, Bruno admite que o principal objetivo da série asiática é servir de preparação ao campeonato principal, que será composto de 19 etapas e aberto dias 26 e 27 em Barcelona. “Eu e a iSport estamos aprendendo a trabalhar juntos. Por enquanto, a ART Grand Prix está fazendo um bom trabalho com o Grosjean. Eles acertaram quase tudo, e a gente cometeu alguns erros. Mas tenho três voltas mais rápidas em seis corridas, duas das quais não completei. Ou seja, o potencial está aí”, lembra.


Os treinos oficiais em Sakhir estão marcados para sexta-feira, das 5h55 às 6h25 (Brasília). A tomada classificatória da primeira corrida será realizada entre as 10 e 10h30. Sábado, a largada para as 34 voltas da prova será autorizada às 9h50. Domingo, a “sprint race” (23 voltas) começará às 5 horas, com a inversão no grid dos oito melhores da véspera.


A classificação da Fórmula GP2 Ásia está assim:


1 – Romain Grosjean (França), ART Grand Prix, 35 pontos
2 – Vitaly Petrov (Rússia), Barwa-Campos Team, 24
3 – Fairuz Fauzi (Malásia), SuperNova, 23
4 – Bruno Senna (Brasil), iSport International, 18
5 – Adrian Vallés (Espanha), Fisichella Motor Sport, 15

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *