F-Nippon: João Paulo de Oliveira esperançoso para estréia no Japão

Brasileiro acredita em melhora de desempenho em sua segunda temporada completa na categoria.

Após fazer uma boa estréia na Super GT e cruzar a linha de chegada na quinta colocação, o brasileiro João Paulo de Oliveira compete neste fim de semana (4-6 de abril) pela abertura da temporada 2008 da Fórmula Nippon, um dos principais certames de monopostos do Oriente. “Estou otimista para o começo da temporada. Temos uma base melhor de trabalho em relação ao ano passado e isso vai com certeza nos ajudar a sermos mais consistentes”, afirma o piloto que faz sua segunda temporada completa na categoria. Em 2007 ele foi eleito o melhor estreante entre todos os campeonatos dos esportes profissionais no Japão. A corrida acontece no domingo (06/04) no Autódromo de Fuji, o mesmo que recebe a etapa japonesa da Fórmula 1.


 


Competindo novamente pela Kondo Racing, João Paulo de Oliveira ficou otimista após os testes de pré-temporada, realizados há três semanas. “Nos testes que fizemos em Fuji algumas semanas atrás fomos muito bem com pneus usados, estando sempre entre os dois ou três mais rápidos”, garante. No entanto, o paulista sabe que ainda precisa trabalhar com a equipe alguns aspectos da performance do carro. “De pneus novos, nosso desempenho não é muito forte. Portanto, nosso principal objetivo será classificar-se bem, pois daí isso poderá facilitar minha prova. Com certeza terei um ritmo forte de corrida”, garante. Este ano seu companheiro de equipe será o japonês Naoki Yokomizo, ex-campeão da Fórmula Toyota e que vai para seu terceiro ano na categoria.


 


Além de manter um bom ritmo de prova com pneus desgastados, os engenheiros da Kondo também encontraram um bom acerto para pista molhada. Portanto, se chover, o brasileiro com certeza não vai reclamar. “Ainda não temos a previsão de tempo para o final de semana, mas se chover não seria nada mal, pois na chuva superamos todo mundo por mais de meio segundo”, lembra JP, com ele é conhecido no Japão. Vinte pilotos já estão confirmados e João Paulo e o carioca Roberto Streit estão entre os sete estrangeiros inscritos no campeonato.


 


Para este ano a Fórmula Nippon traz algumas novidades. A classificação será em formato eliminatório e com Super Pole, bastante semelhante à Fórmula 1. Duas corridas terão rodadas duplas, nas quais o grid para a corrida complementar será formado com a posição de chegada na prova inicial, invertendo-se os oito mais bem colocados. Os 10 primeiros pontuam nas etapas únicas. Já nas rodadas duplas, os oito melhores são contemplados na corrida inicial (mais longa) e os cinco melhores na segunda prova (mais curta).


 


Para garantir mais agilidade aos pilotos, a categoria traz este ano um novo sistema de troca de marchas, feita agora através de borboletas localizadas atrás do volante. O carro tem um chassi moderno, semelhante ao da GP2, e é impulsionado por um motor 3.0 V8 aspirado, que atinge potência de até 550 HP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *