GP2 Series: Di Grassi satisfeito com segunda fila

O grid de largada para a 13ª etapa do Campeonato Mundial de Fórmula GP2, que acontece neste sábado em Valência (Espanha) foi definido na tarde desta sexta-feira, com o brasileiro Lucas Di Grassi (Eurobike/Schioppa) conquistando o terceiro lugar. A posição, que lhe garante uma vaga na segunda fila, foi considerada bastante favorável pelo piloto, que acredita ter chances de brigar por uma nova vitória no circuito espanhol – onde ele já venceu em 2008.

“Estou bem satisfeito com o carro, mas sei que dá para melhorar, e a equipe já identificou um detalhe que deve nos ajudar na corrida. Largar em terceiro é bom, pois é uma posição que te permite atacar e brigar pela vitória. Na tomada, fui bloqueado na minha primeira volta rápida e tive um probleminha com um sensor do câmbio na volta final, então eu poderia ter sido um pouco mais rápido. Mas a realidade é que o (Nico) Hülkenberg foi muito rápido hoje, então a pole estava fora de alcance.”

Di Grassi ocupa a quarta posição no torneio, com 40 pontos. A liderança é do alemão Nico Hülkenberg, que tem 59 pontos e obteve a pole no treino de hoje. A seguir estão o francês Romain Grosjean (45) e o russo Vitaly Petrov (41). Segundo Lucas, superar Hülkenberg e Petrov é sua meta prioritária na prova deste sábado: “Estou atrás no grid do tanto Petrov quanto do Hülkenberg, e ambos estão na minha frente na pontuação. Então minha meta é chegar na frente deles, é lógico, para ganhar terreno na briga pelo título”, explicou o piloto. “E esta é uma corrida muito especial para mim, pois venci aqui no ano passado, então seria muito legal ganhar novamente. Mas sei também que será difícil. Os dois estão com carros muito bem acertados.”

Lucas também falou sobre o que espera da dinâmica da corrida: para ele, a largada será fundamental. “Na GP2, a largada sempre é importante. E aqui ela é meio em curva, então tem seu diferencial em relação a outras pistas. Não muda muito sob certo aspecto: você tem que acelerar e tentar chegar na primeira freada na frente, como sempre. Mas o aspecto de ser em curva tende a agrupar mais os carros, que podem buscar a mesma tangência, e largada com carros juntos é sempre mais complicada. Se eu ganhar uma posição pelo menos nessa largada, vai ser bem bacana. Mas o acerto do carro para a corrida é bem diferente do que usamos até agora. Está muito calor e eu acho que o preparo físico vai fazer alguma diferença. A prova tende a ser bem exaustiva por tudo isso”.

A 13ª etapa terá largada às 11 horas, com transmissão ao vivo pelo canal a cabo SporTV. No domingo, o SporTV2 transmite a segunda corrida da rodada dupla, que acontece a partir das 5h30. Nesta prova, válida pela 14ª etapa, o grid será formado pelo resultado da primeira corrida, mas com os oito primeiros colocados com suas posições invertidas.

Confira os dez primeiros no grid de largada da primeira corrida em Valência:
1-) Nico Hulkenberg (Alemanha), ART Grand Prix – 1min45s025
2-) Vitaly Petrov (Rússia), Addax – a 0s425
3-) Lucas Di Grassi (Brasil), Racing Engineering – a 0s629
4-) Sergio Perez (México), Arden – a 0s644
5-) Roldan Rodriguez (Espanha), Piquet GP – a 0s733
6-) Alvaro Parente (Portugal), Ocean – a 0s877
7-) Dani Clos (Espanha), Racing Engineering – a 1s015
😎 Karun Chandhok (Índia), Ocean – a 1s038
9-) Pastor Maldonado (Venezuela), ART Grand Prix – a 1s061
10-) Diego Nunes (Brasil), iSport – a 1s179

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *