GP2 Series: Javier Villa vence a 2º prova na França

O espanhol Javier Villa, da Racing Engineering, venceu neste domingo (1º/07), a segunda prova da rodada dupla em Magny-Cours, na França. Foi a sua primeira vitória na categoria do companheiro de equipe do venezuelano Ernesto Viso, que sofreu um incrível acidente na prova de sábado.

 


Uma forte chuva caiu no autódromo vinte minutos antes da largada, mas logo parou com os pilotos alinhando com pneus para pista seca.


O francês Nicolas Lapierre, da DAMS, liderou a prova até a 16º volta, quando travou as rodas dianteiras do carro, saindo da pista indo bater no muro. Villa assumiu a ponta vencendo com apenas 0s603 de vantagem para o italiano Luca Filippi, da Super Nova, com seu compatriota Giorgio Pantano, da Campos, completando o pódio.


Lucas di Grassi, da ART, foi o melhor brasileiro na pista, terminando em 4º. Bruno Senna, da Arden, se envolveu em três toques, com o alemão Adrian Zaugg, seu companheiro de equipe, o venezuelano Pastor Maldonado, da Trident e na última volta com o russo Vitaly Petrov, da Campos. Senna tocou na traseira do carro de Petrov, sendo ultrapassado pelo japones Kazuki Nakajima, da DAMS, completando a prova na 7º posição.


Xandinho Negrão, da Minardi Piquet, abandonou na 9º volta. O líder da temporada, o alemão Timo Glock, da iSport, abandonou na 3º volta.


Glock lidera o campeonato com 39 pontos. Filippi, o vice-líder, tem 31. di Grassi é o 3º com 29 pontos, seguido por Senna, com 24.


Final:
1. Javier Villa Racing Engineering 39min46s184
2. Luca Filippi Super Nova + 0s603
3. Giorgio Pantano Campos Grand Prix + 1s262
4. Lucas di Grassi ART Grand Prix + 15s312
5. Vitaly Petrov Campos Grand Prix + 20s134
6. Kazuki Nakajima DAMS + 20s520
7. Bruno Senna Arden + 25s895
8. Pastor Maldonado Trident Racing + 28s622
9. Roldan Rodriguez Minardi Piquet Sports + 34s408
10. Andy Soucek DPR + 35s711


Melhor volta: Andreas Zuber, 1min23s614 (volta 7)


Classificação do campeonato, após sete etapas:
1. Timo Glock, 39 pontos;
2. Luca Filippi, 31;
3. Lucas di Grassi, 29;
4 Bruno Senna, 24;
5. Giorgio Pantano, 23;
6. Javier Villa, 14;
7. Pastor Maldonado, 12;
8. Nicolas Lapierre e Vitaly Petrov, 9;
10. Borja Garcia, 8.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *