GP2 Series: Lucas di Grassi assume vice-liderança

Piloto é novamente o quarto colocado em Silverstone e está a apenas dois pontos do alemão Timo Glock, o primeiro no campeonato.

Não foi um final de semana fácil, especialmente porque o carro não apresentou uma boa performance, mas o brasileiro Lucas di Grassi, da equipe ART Grand Prix, deixou a pista de Silverstone (Ing), neste domingo (dia 8), como vice-líder isolado da GP2 e a apenas dois pontos do alemão Timo Glock, da iSport, o primeiro colocado na tabela do campeonato.

Na 9ª etapa, disputada hoje, Di Grassi terminou em quarto lugar, depois de largar em quinto. O britânico Adam Carroll conquistou a vitória e tornou-se o nono vencedor diferente da temporada. Pastor Maldonado, da Trident Racing, em segundo e Kazuki Nakajima, da DAMS, em terceiro completaram o pódio no circuito inglês.

Glock, como na etapa de sábado, não finalizou a prova. Ele fazia uma boa corrida de recuperação, quando levou um toque e foi obrigado a abandonar. Com isso, o piloto permanece com 39 pontos. Di Grassi, com dois quartos lugares em Silverstone, subiu para 37.

O brasileiro fez uma excelente largada na etapa de domingo e de quinto chegou a brigar pela segunda posição, mas fechou a primeira volta em terceiro. Com o carro sem um bom equilíbrio, ele não conseguiu segurar o japonês Nakajima e acabou perdendo a posição.

“Fiz o melhor que eu pude. O carro não estava bom, mas o importante é que conseguimos diminuir ainda mais a diferença para o Glock. Conquistamos mais oito pontos no final de semana e estamos perto”, declarou o brasileiro.

“Agora é uma questão de trabalhar para melhorar o carro, o que nos dará condições de brigar pela vitória e a liderança nas próximas etapas”, finalizou o paulista, de 22 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *