GP2 Series: Lucas larga em quinto em Silverstone

Brasileiro afirmou ter sofrido com “pequenos problemas” no carro, que o impediram de melhorar seu tempo.

Lucas Di Grassi (Eurobike/Schioppa) acredita ter um carro bastante equilibrado para a disputa da primeira corrida do final de semana em Silverstone, Inglaterra, que recebe a quarta rodada dupla da GP2, amanhã às 11 horas (horário de Brasília). O piloto da Racing Engineering, que vai largar em quinto, afirmou ter sofrido com pequenos problemas em seu carro durante as tentativas de volta rápida no circuito inglês.

“O carro não estava perfeito, apesar de estar com um bom balanço. Tive alguns problemas na parte hidráulica, principalmente nos freios: as rodas dianteiras travavam muito, mas mesmo assim acho que conseguimos um bom tempo de volta”, analisou Di Grassi, que marcou 1min26s370 com seu segundo jogo de pneus.

A pole position ficou com o franco-suíço Romain Grosjean, da Addax, vice-líder do campeonato, com 1min25s899. “No momento a Addax tem encontrado o melhor acerto para a pista. O carro deles está bom”, disse Lucas.

No entanto, a exemplo do que fez no GP da Turquia – quando caiu para as últimas posições na primeira etapa, fez várias ultrapassagens e garantiu um ponto com o oitavo lugar (e a pole position na corrida do dia seguinte, em que acabou vencendo) -, o brasileiro espera chegar entre os três primeiros na prova deste sábado. “A equipe já reconheceu o problema que tivemos no treino e já está trabalhando nisso. O carro está com um equilíbrio muito bom e na corrida dá para ir para cima dos adversários. O objetivo é marcar o maior número de pontos possível, e espero estar entre os três primeiros no final”, afirmou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *