GP2 Series: Pizzonia acerta carro para condições de corrida

Amazonense fez simulações de corridas nos treinos coletivos em Paul Ricard na França.

Em mais um dia de testes de inverno nesta quarta-feira (01/11), a Fórmula GP2 contou com diversos pilotos que pretendem correr na categoria na temporada de 2007, entre experientes e novatos, e mais uma vez um dos destaques foi o ex-piloto de Fórmula 1 Antonio Pizzonia, que trabalhou nos ajustes para ritmo de corridas no carro da FMS International (Fisichella Motor Sport), e novamente andou entre os primeiros. O melhor tempo voltou a ser do italiano Luca Filippi, desta vez pilotando um carro da Arden.

Em seus primeiros contatos com um carro da GP2 após participar de mais uma etapa da Fórmula Mundial (ChampCar) na Austrália, Pizzonia se empenhou no ajuste do carro da equipe do piloto da Renault F1 Giancarlo Fisichella, com bastante combustível para uma longa seqüência de voltas, portanto, sem o objetivo de marcar um tempo rápido. “Concentramos bastante nosso trabalho de desenvolvimento do carro com tanque cheio e simulando corrida. Foi um dia extremamente produtivo para a equipe e para mim que estou conhecendo o carro cada vez mais. A pista estava muito inconstante durante o dia, o que dificultou o teste de todos, com ventos ate 40 km/h”, ressalta o manauara.

Entre os outros brasileiros, Bruno Senna também obteve destaque com o terceiro melhor tempo, a bordo de um carro da equipe Arden, a mesma na qual Luca Filippi obteve a melhor marca da sessão. Xandinho Negrão conseguiu um oitavo tempo, pela Minardi by Piquet Sports, equipe na qual o paulista já está confirmado para 2007.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *