GP2 Series: Stoffel Vandoorne encerra ano com vitória

Campeão da temporada, o belga Stoffel Vandoorne (ART Grand Prix) venceu a prova de abertura da última etapa do ano, disputada no Circuito de Yas Marina, em Abu Dhabi. A segunda prova foi cancelada, após um múltiplo acidente na primeira volta.

Prova 1:

Na noite de sábado (28/11), Vanddorne venceu a prova longa da etapa. Com a sétima vitória no ano, e 11 na categoria, o belga quebrou o recorde do venezuelano Pastor Maldonado em 2010.

Segundo no grid, Vanddorne assumiu a ponta na quarta volta, superando o pole, o francês Pierre Gasly (DAMS).  Na volta seguinte, os lideres entraram nos boxes, para a troca de pneus. 

O italiano Raffaele Marciello (Trident) permaneceu na pista, assumindo a liderança. Pouco depois, o Safety-Car Virtual foi acionado, devido a n enrosco entre o francês Norman Nato (Arden International) e o canadense Nicholas Latifi (MP Motorsport).

Marciello entrou nos boxes faltando seis voltas para o final. Vandoorne retornou a ponta, para vencer com tranquilos nove segundos de vantagem sobre o italiano. O neozelandês Mitch Evans (Russian Time) fechou o pódio.

O norte-americano Alexander Rossi (Racing Engineering) terminou em quarto, seguido por Gasly e o britânico Jordan King (Racing Engineering). O indonésio Rio Haryanto (Campos Racing), o britânico Alex Lynn (DAMS), o brasileiro André Negrão (Arden International) e o francês Nathanaël Berthon (Lazarus) fecharam a zona de pontos.

Final, prova 1:

1. Stoffel Vandoorne ART Grand Prix 31 voltas em 1:03:32.405s 

2. Raffaele Marciello Trident + 9.404s 

3. Mitch Evans Russian Time + 10.327s 

4. Alexander Rossi Racing Engineering + 12.105s 

5. Pierre Gasly DAMS + 22.621s 

6. Jordan King Racing Engineering + 25.817s 

7. Rio Haryanto Campos Racing + 26.406s 

8. Alex Lynn DAMS + 26.988s 

9. André Negrão Arden International + 30.412s 

10. Nathanaël Berthon Lazarus + 36.974s 

11. Nobuharu Matsushita ART Grand Prix + 41.939s 

12. Sergio Canamasas Lazarus + 43.105s 

13. Sergey Sirotkin Rapax + 44.058s 

14. Rene Binder MP Motorsport + 45.982s 

15. Oliver Rowland Status Grand Prix + 54.566s 

16. Gustav Malja Rapax + 60.592s 

17. Arthur Pic Campos Racing + 62.596s 

18. Marlon Stöckinger Status Grand Prix + 80.398s 

Abandonos:

Sean Gelael Carlin 26 voltas 

Dean Stoneman Carlin 24 

Daniël De Jong Trident 15

Artem Markelov Russian Time 14

Norman Nato Arden International 6

Nicholas Latifi MP Motorsport 6 

Volta mais rápida:

Nathanaël Berthon Lazarus 1:51.866s (111.060mph) na volta 27

Prova 2:

Neste domingo (29/11), a prova de encerramento da temporada foi cancelada, após um múltiplo acidente na primeira volta. 

A confusão começou quando Gasly rodou na curva dois, sendo acertado por Nato. O francês foi direto na barreira de pneus da curva três, levando junto o indonésio Sean Gelael (Carlin), o holandês Daniël De (Jong Trident), Latifi e o russo Artem Markelov (Russian Time). Apesar da gravidade dos acidentes, todos os pilotos saíram ilesos. A prova foi suspensa em bandeira vermelha.

Com os carros recolhidos, começaram os trabalhos para a recuperação das barreiras de proteção. Mas com pouco tempo restando, antes do começo das atividades para o GP de Abu Dhabi de F-1, a prova foi cancelada. 

Final, prova 2:

Prova cancelada devido a múltiplo acidente na primeira volta

Campeonato, final:

1 – S. Vandoorne – 341.5

2 – A. Rossi – 181.5

3 – S. Sirotkin – 139

4 – R. Haryanto – 138

5 – M. Evans – 135

6 – A. Lynn – 110

7 – R. Marciello – 110

8 – P. Gasly – 110

9 – N. Matsushita – 68.5

10 – R. Stanaway – 60

11 – A. Pic – 60

12 – J. King – 60

13 – A. Markelov – 48

14 – J. Leal – 38

15 – S. Canamasas – 27

16 – N. Berthon – 27

17 – R. Visoiu – 20

18 – N. Nato – 20

19 – N. Yelloly – 19

20 – A. Negrão – 5

21 – O. Rowland – 3

22 – R. Binder – 2

23 – D. De Jong – 1

24 – D. Stoneman – 1

25 – G. Malja – 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *