GP2 Series: Xandinho testa pela equipe bicampeã de 2005/2006

ART GP fez o 4º tempo no primeiro dia de testes na Espanha.

 


Depois de avaliar o carro da iSport nesta quinta-feira em Jerez de la Frontera (Espanha), Xandinho Negrão (Medley) despede-se amanhã dos testes de pós-temporada da Fórmula GP2 testando pela ART GP, equipe de propriedade do francês Nicolas Todt, empresário de Felipe Massa. Os dois times dominaram os três primeiros anos da divisão de acesso da Fórmula 1. A ART GP foi bicampeã em 2005 e 2006, respectivamente com Nico Rosberg e Lewis Hamilton, mas a iSport levou a melhor nesta temporada com o título de Timo Glock.


Hoje, Xandinho terminou em 13º no resultado geral. Foi o 15º pela manhã e subiu para 11º à tarde. “Valeu muito. Acho que os tempos não refletem o meu trabalho, porque peguei tráfego e bandeiras vermelhas com os melhores pneus. Além disso, antecipamos a troca na segunda sessão porque havia ameaça de chuva e os pneus que estava usando ficaram bastante desgastados”, explicou.


Na reunião depois dos ensaios, os técnicos da iSport manifestaram uma avaliação positiva sobre o desempenho de Xandinho. “No segundo treino, fiquei a somente três décimos do Adam Carroll, que andou no outro carro da equipe e é considerado um piloto muito rápido”, lembrou. Xandinho, no entanto, disse que o senso comum de que os carros da iSport são os melhores da Fórmula GP2 é parcialmente verdadeiro. “Com pneus novos, estão todos muito parecidos. Algumas equipes levam vantagem em certas pistas; em outras, podem ser superadas.”


A ART GP foi à pista com o inglês Mike Conway e o suíço Sébastien Buemi. Conway, campeão inglês de Fórmula 3 de 2006, fechou em 4º no geral, enquanto Buemi, que correu ao lado de Lucas di Grassi em poucas etapas neste ano, acabou em 7º. Os treinos desta sexta-feira contarão novamente com a presença das 13 equipes da Fórmula GP2.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *