GP3: Pedro Nunes comemora evolução no treino de classificação

Piloto brasileiro chegou a estar entre os cinco primeiros na sessão deste sábado, marcada pela mudança na condição da pista.

O brasileiro Pedro Nunes (OGX/GrupoCGE/Claro/ Wella) comemorou na manhã deste sábado, na Espanha, a evolução obtida no treino de classificação para a primeira etapa da Fórmula GP3 – que estréia neste fim de semana em Barcelona. Apesar de sua posição final no grid não ter sido a esperada, Pedro atribuiu a definição das posições de largada às circunstâncias do treino. E espera boas corridas para este fim de semana na pista espanhola.

“A pista vinha secando muito rápido e estávamos entre os cinco primeiros durante toda a classificação”, comentou o brasileiro. “Do grupo que estava mais rápido acabei sendo o primeiro a receber a bandeirada, e terminei em sétimo. Como a pista foi melhorando, até que todos completassem suas voltas acabei perdendo mais onze posições, e vou sair em 18o. Isso, no entanto, não reflete nosso potencial para esta prova”, acrescentou.

Embora Barcelona seja um circuito que tradicionalmente dificulta as manobras de ultrapassagem, Pedro Nunes espera uma boa corrida na Catalunha. Solucionados os problemas apresentados por seu carro no dia anterior – em especial no motor -, ele ressaltou o fato de ter completado um de seus melhores treinos desde sua estréia na GP3.

“Nosso carro melhorou muito ao longo do fim de semana, e foi uma pena termos pegado a pista nas condições que pegamos na tomada de tempos. A definição do grid foi uma questão de momento, e estou satisfeito pelo bom trabalho que fizemos”, encerrou.

Veja como ficou o grid de largada para a corrida deste sábado na Espanha:
1) Nigel Melker – RSC Mucke – 1’52″602
2) Pal Varhaug – Jenzer – 1’52″931
3) Robert Wickens – Status – 1’52″924
4) Daniel Morad – Status – 1’53″311
5) James Jakes – Manor – 1’53″440
6) Dean Smith – Carlin – 1’53″600.
7) Esteban Gutierrez – ART – 1’53″603
8) Jean Eric Vergne – Tech 1 – 1’53″765
9) Renger Van der Zande – RSC Mucke – 1’53″914
10) Simon Trummer – Jenzer – 1’53″983
11) Felipe Guimaraes – Addax – 1’54″159
12) Josef Newgarden – Carlin – 1’54″329.
13) Ryo Haryanto – Manor – 1’54″331
14) Lucas Foresti – Carlin – 1’54″477
15) Daniel Juncadella – Tech 1 – 1’54″495
16) Michael Christensen – MW Arden – 1’54″658
17) Miki Monras – MW Arden – 1’54″666
18) Pedro Nunes – ART – 1’54″686.
19) Pablo Sanchez – Addax – 1’54″691
20) Nico Muller – Jenzer – 1’54″726
21) Leonardo Cordeiro – MW Arden – 1’54″758
22) Oliver Oakes – Atech CRS – 1’54″817
23) Doro Sechelariu – Tech 1 – 1’55″069
24) Patrick Reiterer – Atech CRS – 1’55″394
25) Tobias Hegewald – RSC Mucke – 1’55″643
26) Ivan Lukashevich – Status – 1’55″927.
27) Adrian Quaife Hobbs – Manor – 1’57″082
28) Alexander Rossi – ART – 2’00″622
29) Vittorio Ghirelli – Atech CRS – 2’01″311
30) Mirko Bortolotti – Addax – sem tempo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *