GP3 Series: Jack Harvey vence em Silverstone

O britânico Jack Harvey (ART) venceu neste sábado (29/06), em Silverstone, na Inglaterra, a prova de abertura da terceira etapa da temporada. Foi a sua primeira vitória na categoria. O estoniano Kevin Korjus (Koiranen) e o argentino Facu Regalia (ART) completaram o pódio.

Na largada, Harvey, terceiro no grid, assumiu a ponta, seguido pelo parceiro de equipe, o norte-americano Conor Daly, que alinhou em nono e queimou a largada, o pole Korjus e Regalia. Rapidamente Harvey abriu vantagem, enquanto Daly permanecia em segundo.

Na sexta volta, o finlandês Patrick Kujala (Koiranen GP) acertou o italiano David Fumanelli (Trident), que capotou. Os dois saíram ilesos dos carros, com o Safety-Car sendo acionado.

Com a prova reiniciada, Harvey manteve o controle, com Daly indo para os boxes, cumprir um drive-through de dez segundos, por queimar a largada. Korjus passou para segundo, seguido de Regalia.

Com os três primeiros distantes dos demais, as disputas pelas posições segundarias movimentaram as voltas finais. Na luta pela oitava posição, o espanhol Carlos Sainz Jr. (MW Arden) e o britânico Lewis Williamson (Bamboo) se enroscaram. Williamson abandonou e Sainz saiu da zona de pontos. O espanhol acabou punido com a perda de dez posições no gird da segunda prova.

Harvey venceu, com Korjus e Regalia completando o pódio. O russo Daniil Kvyat (MW Arden) terminou em quarto, seguido pelo cipriota Tio Ellinas (Manor), líder do campeonato.

O britânico Nick Yelloly (Carlin), Alex Fontana (Jenzer), o italiano Giovanni Venturini (Trident), Adderly Fong (Status), de Hong Kong, e o britânico Dino Zamparelli (Manor) fecharam a zona de pontos.

Kujala foi excluído da segunda prova, devido ao acidente com Fumanelli. Venturini alinha na pole, com o grid dos oito primeiros invertido.

Ellinas lidera o campeonato com 65 pontos, seis a mais do que Korjus.

Final:

1 – Jack Harvey – ART – 15 voltas em 31’37″496
2 – Kevin Korjus – Koiranen – 3″051
3 – Facu Regalia – ART – 5″369
4 – Daniil Kvyat – MW Arden – 6″619
5 – Tio Ellinas – Manor – 8″073
6 – Nick Yelloly – Carlin – 9″485
7 – Alex Fontana – Jenzer – 12″309
8 – Giovanni Venturini – Trident – 15″626
9 – Adderly Fong – Status – 16″634
10 – Dino Zamparelli – Manor – 17”210
11 – Aaro Vainio – Koiranen – 18″126
12 – Robert Visoiu – MW Arden – 19″191
13 – Carlos Sainz – MW Arden – 20″132
14 – Eric Lichtenstein – Carlin – 20″350
15 – Patrick Niederhuaser – Jenzer – 20″610
16 – Josh Webster – Status – 21″885
17 – Luis Sa Silva – Carlin – 22″233
18 – Jimmy Eriksson – Status – 23″193
19 – Emanuele Zonzini – Trident – 23″808
20 – Samin Gomez – Jenzer – 28″118
21 – Ryan Cullen – Manor – 28″756
22 – Conor Daly – ART – 30″390
23 – Carmen Jorda – Bamboo – 39″008
24 – Melville McKee – Bamboo – 44″844

Volta mais rápida: Jack Harvey 1’48″743

Abandonos:
Lewis Williamson – Bamboo – 13 voltas
Patrick Kujala – Koiranen – 6 voltas
David Fumanelli – Trident – 6 voltas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *