GT Brasil: CBA confirma vitória de Pedro Queirolo e desclassificação de três duplas no Anhembi

Valdeno Brito e Matheus Stumpf, Paulo Bonifácio e Juliano Moro e Chico Longo e Daniel Serra foram punidos por desrespeito ao item 156 do regulamento desportivo

O resultado da corrida de domingo (1) da segunda etapa do Itaipava GT Brasil, disputada no Anhembi, sofreu alterações divulgadas pela Confederação Brasileira de Automobilismo nesta terça-feira (17). A entidade anunciou as desclassificações de Valdeno Brito e Matheus Stumpf, Paulo Bonifácio e Juliano Moro e Chico Longo e Daniel Serra, respectivamente segundos, terceiros e quartos colocados naquela prova, por desrespeito ao item 156 do regulamento desportivo, que trata da cerimônia de pódio.

As três duplas, sob orientação das equipes, se recusaram a subir no pódio como forma de protesto, porque contestavam o resultado final. A alegação era de que o piloto vencedor não havia cumprido o tempo mínimo de parada nos boxes – queixa considerada improcedente após análise dos dados pelos comissários e das imagens da câmera onboard do primeiro colocado. Mas a ausência na cerimônia de pódio seria passível de desclassificação ainda que as reclamações fossem procedentes.

“Oficializamos a decisão dos comissários da CBA, que atenderam uma reclamação desportiva feita pela equipe do carro número 33 (Ricardo Maurício e Bruno Garfinkel), envolvendo os carros 7 (Valdeno Brito e Matheus Stumpf), 5 (Paulo Bonifácio e Juliano Moro) e 19 (Chico Longo e Daniel Serra) pelo descumprimento do item 156 do regulamento desportivo do Itaipava GT Brasil”, afirma Nestor Valduga, presidente do CTDN, o Conselho Técnico Desportivo Nacional.

As desclassificações mudam um bocado o panorama do campeonato na Itaipava GT3 – Valdeno Brito e Matheus Stumpf e Paulo Bonifácio e Juliano Moro, anteriormente líderes e vice-líderes, caem para sétimo e oitavo lugares na tabela de classificação. Os novos líderes são Claudio Ricci e Rafael Derani, com 43 pontos, apenas três a mais do que Pedro Queirolo, o novo vice-líder, com 40. A próxima etapa da temporada do Itaipava GT será disputada nos dias 21 e 22 de maio no Autódromo Internacional de Curitiba, em Pinhais (PR).

Cabe recurso contra a decisão. “Na verdade, não subir no pódio não foi uma decisão dos pilotos, mas da equipe, que vai recorrer das punições. Eu já sabia que havia essa movimentação em curso e temos que aceitar o que determina a CBA no momento, fazer nosso trabalho na pista e deixar que as coisas sigam como a equipe decidir”, afirma Valdeno Brito, que é o atual campeão da Itaipava GT3 em parceria com Matheus Stumpf. Foi a primeira desclassificação deles em cinco anos do Itaipava GT Brasil

“Admiro muito os pilotos envolvidos, mas fico feliz com a decisão porque, independente do resultado oficial, não subir ao pódio é um desrespeito – uma mudança no resultado, se necessária, é analisada e divulgada somente após a cerimônia, inclusive cansamos de ver situações semelhantes até na F-1”, afirma o vencedor da corrida, Pedro Queirolo. “O regulamento está aí e precisa ser cumprido, mas o mais importante é que ficou provado que nosso resultado foi conquistado na pista, absolutamente dentro das regras”, acrescenta Pedro Queirolo.

ÍNTEGRA DOS ITENS 155 E 156 DO REGULAMENTO

CERIMÔNIA DE PÓDIO

155. Os pilotos que chegarem nos cinco primeiros lugares na Classificação Geral e o representante da equipe vencedora em cada categoria devem comparecer à cerimônia de premiação conforme especificado na programação detalhada, bem como deverão respeitar o procedimento de pódio estabelecido pelos PROMOTORES. Imediatamente a seguir, deverão ficar disponíveis, por um período de 30 (trinta), minutos para entrevistas unilaterais de televisão e coletiva de imprensa na Sala de Imprensa.

a) Em seguida os pilotos que chegarem nos cinco primeiros lugares na Classe Master e o representante da equipe vencedora em cada categoria devem comparecer à cerimônia de premiação.

b) Os PROMOTORES reservam-se o direito de premiar, na mesma cerimônia, outros competidores com finalidade promocional.

156. O seguinte procedimento de pódio deverá ser obedecido por todos os premiados, sob pena de desclassificação:

a) Os pilotos deverão seguir as orientações do Mestre de Cerimônias, postando-se imediatamente nas posições indicadas;

b) Os macacões deverão estar arrumados e trajados adequadamente, com os colarinhos fechados;

c) Os bonés promocionais fornecidos pelos PROMOTORES deverão ser os únicos utilizados durante a cerimônia de pódio, com postura correta;

d) Após a entrega dos troféus, os pilotos deverão posar para fotos promocionais no pódio.

NOVO RESULTADO NA ITAIPAVA GT3
1º) 13 – Pedro Queirolo (CO, SP), 29 voltas em 51:10.512 (média de 138,75
km/h)
2º) 3 – R.Derani/C.Ricci (FE , SP/RS), a 49.423
3º) 33 – B.Garfinkel/R.Mauricio (LA , SP/SP), a 1:18.533
4º) 75 – H.Assunção/R.Castropil (VI , SP/SP), a 1 volta
5º) 30 – Cleber Faria (LA , SP), a 1 volta
6º) 61 – F.Croce/D.Croce (VI , SP/SP), a 1 volta
7º) 99 – R.Ricca/R.Daniel (LA , SP/SP), a 1 volta
8º) 9 – X.Negrão/X.Negrão (AU , SP/SP), a 1 volta
9º) 20 – Wagner Ebrahim (VI , PR), a 3 voltas

NOVA CLASSIFICAÇÃO DO CAMPEONATO
1 Rafael Derani/Claudio Ricci (Ferrari F430), 43
2 Pedro Queirolo (Corvette Z06R), 40
3 Marcelo Hahn/Allam Khodair (Lamborghini Gallardo LP600), 38
4 Xandy Negrão/Xandinho Negrão (Audi R8), 37
5 Cleber Faria (Lamborghini Gallardo LP560), 36
6 Claudio Dahruj/Rodrigo Sperafico (Corvette Z06), 32 pontos
7 Matheus Stumpf/Valdeno Brito (Ford GT), 30
8 Paulo Bonifácio/Juliano Moro (Ford GT), 27
9 Bruno Garfinkel (Lamborghini Gallardo LP560), 24
10 Chico Longo/Daniel Serra (Ferrari F458), 20
11 Vanue Faria/Renan Guerra (Lamborghini Gallardo LP560), 19
12 Wagner Ebrahim (Dodge Viper Competition Coupe), 18
13 Ricardo Maurício (Lamborghini Gallardo LP560), 16
14 Henrique Assunção/Ricardo Castropil (Dodge Viper Competition Coupe), 13
15 Fernando Croce (Dodge Viper Competition Coupe), 12
16 Daniel Croce (Dodge Viper Competition Coupe), 9
17 Walter Derani/Antonio Pizzonia (Ferrari F430), 7
17 Ricardo Ricca/Rafael Daniel (Lamborghini Gallardo LP500), 7
18 Fernando Gomes Croce (Dodge Viper Competition Coupe), 3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *