GT Brasil: Regularidade é aposta dos pilotos no início de temporada do GT Brasil

Boa pontuação nas duas corridas colocou Valdeno Brito, Matheus Stumpf, Claudio Dahruj, Rodrigo Sperafico e Cleber Faria em ótimas condições na Itaipava GT3

Não é segredo para ninguém que regularidade é chave para um campeonato bem feito no Itaipava GT Brasil. Exemplo disso foi o título conquistado por Valdeno Brito e Matheus Stumpf na Itaipava GT3 em 2010. E a primeira etapa da temporada, disputada no último fim de semana, em São Paulo, também mostrou que vencer nem sempre é o suficiente, com a liderança da categoria ficando nas mãos de uma dupla que conseguiu um segundo e um terceiro lugar, os pilotos Claudio Dahruj e Rodrigo Sperafico.

“Disputamos a liderança das duas corridas, não vencemos, mas os resultados foram ótimos para nós”, comemora Rodrigo Sperafico. Eles aparecem em primeiro lugar na tabela de classificação, dois pontos à frente de outra dupla que também não ganhou, mas se deu bem no campeonato: Valdeno Brito e Matheus Stumpf são os vice-líderes depois de uma quarta colocação e uma segunda posição em Interlagos. “Começamos bem o campeonato, com a mentalidade do ano passado: importante é pontuar em todas as prova”, afirma Valdeno Brito.

Nem sempre é possível, mais em função do imponderável quando se trata de máquinas, como no Itaipava GT Brasil. Marcelo Hahn e Allam Khodair, por exemplo, venceram com certo domínio no sábado (9), mas tiveram problemas e conseguiram salvar apenas uma discreta décima posição no domingo (10). Xandy Negrão e Xandinho Negrão, que acertaram na estratégia e ganharam no domingo, haviam ficado apenas em nono lugar na véspera, enfrentando dificuldades com o Audi R8 LMS.

E às vezes é preciso superar adversidades para ser fiel à regularidade, fato que rendeu a Cleber Faria, duas vezes quinto colocado no último fim de semana, a quarta posição na tabela de pontuação da Itaipava GT3. Na primeira corrida do fim de semana, Cleber saiu do 12º lugar para subir ao pódio na quinta posição. Repetiu o desempenho no dia seguinte, saindo em nono e chegando em quinto lugar, com um grau a mais de dramaticidade: havia rodado na primeira volta e perdido todas as posições – devidamente recuperadas ao longo da prova.

A próxima etapa da temporada do Itaipava GT Brasil será disputada nos dias 30 de abril e 1º de maio, na pista de rua do Anhembi, em conjunto com a Itaipava São Paulo Indy 300 Nestle.

CLASSIFICAÇÃO EXTRA-OFICIAL DA ITAIPAVA GT3 (APOS 2 de 20 CORRIDAS)
1 Claudio Dahruj/Rodrigo Sperafico (Corvette Z06), 32 pontos
2 Matheus Stumpf/Valdeno Brito (Ford GT), 30
3 Xandy Negrão/Xandinho Negrão (Audi R8), 23
4 Cleber Faria (Lamborghini Gallardo LP560), 22
5 Marcelo Hahn/Allam Khodair (Lamborghini Gallardo LP600), 21
6 Paulo Bonifácio/Juliano Moro (Ford GT), 20
7 Vanue Faria/Renan Guerra (Lamborghini Gallardo LP560), 14
8 Rafael Derani/Claudio Ricci (Ferrari F430), 13
9 Chico Longo/Daniel Serra (Ferrari F458), 9
10 Bruno Garfinkel (Lamborghini Gallardo LP560), 8
11 Walter Derani/Antonio Pizzonia (Ferrari F430), 7
12 Fernando Gomes Croce/Fernando Croce (Viper), 3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *