GT3 Brasil: Chuva surpreende a todos na vitória de Derani e Ricci

Rápida troca de pneus da equipe CRT colocou Ferrari F430 na ponta já na segunda volta da corrida em Interlagos.

A chuva esperou caprichosamente para cair no início da volta de apresentação para a 5ª etapa do Itaipava GT3 Brasil na tarde deste sábado (27) no autódromo de Interlagos, em São Paulo, causando uma verdadeira correria nos boxes entre as equipes, que providenciavam os pneus de chuva. A direção de prova anunciou a largada com safety car, e antes mesmo dos carros completarem a primeira volta, grande maioria entrou nos boxes para colocar os pneus específicos para as condições da pista.

E foi neste momento que se desenhou a terceira vitória da dupla formada por Rafael Derani e Cláudio Ricci, com o Ferrari F430 da equipe CRT. “Fiquei impressionado, porque com apenas dois mecânicos permitidos por regulamento, fizemos uma troca tão rápida que parecia um pit stop de Fórmula 1”, espantou-se Rafael Derani.

“Na volta de apresentação eu avisei ao Elio (Seikel, chefe de equipe) que a chuva estava forte. Na hora ele me chamou para fazer a troca de pneus. Isso foi determinante para que eu pegasse pista livre durante um bom tempo, permitindo que eu abrisse uma boa vantagem”, afirmou.

Ramon Matias (parceiro de Matheus Stumpf, Dodge Viper), que largava na pole position, foi um dos pilotos que não optou por fazer a parada logo na primeira volta, fato que custou caro à dupla, que terminou em um distante 11º lugar.

Após as trocas de pneus, Miguel Paludo (Ricardo Maurício, Ferrari F430) impressionava com sua velocidade a bordo do Porsche 997. Tanto que, na segunda volta, marcou o giro que foi o mais rápido da corrida (1min48s447) até a 27ª volta, quando Thiago Camilo (Ronaldo Freitas, Porsche 997 GT3 Cup) fez 1min46s006. Logo depois, na última volta, Camilo registrou 1min45s496.

Mas Paludo, que até então ocupava a segunda posição, caiu para o quarto lugar, para em seguida recuperar a distância e ultrapassar o Ferrari Scuderia de Chico Longo (Daniel Serra), assumindo a terceira posição na 10ª volta. No 23º minuto da prova – momento da abertura da janela para troca obrigatória de pilotos – a liderança era de Rafael Derani, seguido de Fábio Ebrahim (Wagner Ebrahim, Dodge Viper), Miguel Paludo, Marcelo Hahn (Allam Khodair, Ferrari F430) e Chico Longo (Daniel Serra, Ferrari Scuderia).

Quando a ordem se restabeleceu, após o 37º minuto (no fim da janela para troca de pilotos), Cláudio Ricci manteve o carro da CRT na ponta, seguido ainda por Ebrahim, Khodair, Daniel Serra, Ricardo Maurício e Chico Serra (Bruno Garfinkel, Lamborgini Gallardo). Imprimindo um forte ritmo, Allam Khodair ultrapassou Wagner Ebrahim no Bico de Pato, na 17ª volta. No entanto, Ricci tinha 29 segundos de vantagem. Logo atrás, Daniel Serra minava a distância que o separava do Viper de Ebrahim. A luta pelo terceiro lugar só terminou na última volta, quando o piloto do Ferrari Scuderia executou a ultrapassagem na curva do Bico de Pato.

Quando a chuva parou, no quarto final da corrida, Ricci administrou a vantagem e cruzou a linha de chegada com 14s264 à frente de Khodair. Daniel Serra completou em terceiro e fechou os três primeiros lugares para os modelos da Ferrari. Wagner Ebrahim terminou em quarto lugar, seguido por Ricardo Maurício, Chico Serra, Rodolpho Santos (Walter Derani), Thiago Camilo, Duda Rosa (Fernando Poeta), Nelson Merlo (Renato Stumpf) e Matheus Stumpf (Ramon Matias).

No campeonato, Rafael Derani/Cláudio Ricci chegaram aos 94 pontos. Marcelo Hahn/Allam Khodair subiram para a vice-liderança ao superar na tabela Clemente Lunardi – que não participa desta rodada dupla – e somam 66 pontos.

O SporTV2 exibirá um compacto da corrida às 19 horas deste sábado (27). Amanhã, o canal a cabo também mostra a corrida do domingo às 18 horas. O canal Record News transmite, ao vivo, neste domingo (28) a segunda corrida do final de semana, que tem largada marcada para as 12 horas.

Confira o resultado da primeira corrida do Itaipava GT3 Brasil:

1º) 3 – R.Derani/C.Ricci (FE, SP/RS), 31 voltas em 1h01min19s144 (média de 130,70 km/h)*
2º) 16 – M.Hahn/A.Khodair (FE , SP/SP), a 14s264*
3º) 19 – C.Longo/D.Serra (FS , SP/SP), a 37s635*
4º) 20 – W.Ebrahim/F.Ebrahim (VI , PR/PR), a 38s742
5º) 5 – R.Mauricio/M.Paludo (PO , SP/RS), a 1min05s371
6º) 33 – B.Garfinkel/C.Serra (LA , SP/SP), a 1min14s536*
7º) 70 – W.Derani/R.Santos (FE , SP/SP), a 1 volta*
8º) 6 – R.Freitas/T.Camilo (PO , SP/SP), a 1 volta
9º) 18 – F.Poeta/D.Rosa (FE , SP/RS), a 1 volta
10º) 11 – N.Merlo/R.Stumpf (VI , SP/RS), a 1 volta
11º) 17 – R.Matias/M.Stumpf (VI , RS/RS), a 1 volta

Melhor Volta: R.Freitas/T.Camilo, 1:45.496 (147,04 km/h)

*Duplas que também pontuam no GT Masters.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *