GT3 Brasil: Com Norberto Gresse/ Thiago Camilo, Porsche vence a terceira consecutiva

A dupla Norberto Gresse/ Thiago Camilo, de Porsche 997, venceu neste domingo (26/07), no Autódromo Ayrton Senna, em Londrina, no Paraná, a 8ª prova do ano, complemento da quarta rodada dupla da temporada. Foi a terceira vitória consecutiva da WB Motorsport. A dupla Bruno Garfinkel/ Chico Serra, de Lamborghini Gallardo, e a dupla Chico Longo/ Daniel Serra, de Ferrari Scuderia, completaram o pódio.

A prova, ao contrario de sábado, foi disputada com pista seca. Pole-position Daniel manteve a ponta da corrida, disparando na frente. Na 27ª volta tinha 23 segundos de frente para o segundo colocado, seu pai, Chico.

No último minuto da janela obrigatória de paradas nos boxes Daniel entrou nos pits, passando o carro para Longo, que voltou a pista na liderança. Camilo era o segundo seguido por Garfinkel.

Num ritmo alucinante Camilo acabou com a vantagem de Longo em poucas voltas, fazendo a ultrapassagem na 34ª volta, e abrindo vantagem.

Em quarto lugar, Marcelo Hahn, que divide a condução de uma Ferrari F430 com Allan Khodair, rodou na pista, na 37ª volta. Com a traseira pressa na proteção e com as rodas traseiras sem contato com o solo, Hahn desceu do carro, que permaneceu com o motor ligado, e empurrou a Ferrari de volta a pista, retornando ao cockpit. Duas voltas depois a direção de prova obrigou o piloto a parar novamente nos boxes, para travar o cinto de segurança.

No final da prova a direção de prova informou que o carro de Serra/ Longo seria punido com uma volta, devido a equipe ter reabastecido o carro durante o alinhamento para o grid, minutos antes da largada, o que é proibido pelo regulamento.

Formando dupla pela primeira vez no ano, Gresse e Camilo venceram com uma volta de vantagem sobre Garfinkel/ Serra (vencedores no GT Masters). Serra/ Longo foram terceiro.

“O Betinho (Gresse) fez um ótimo trabalho e quando ele me entregou o carro eu tentei imprimir um ritmo forte. Quando ultrapassei o Chico Longo eu só o fiz quando tive 100% de certeza de que não haveria nenhum risco para ninguém na manobra. Hoje o nosso trabalho como equipe foi perfeito”, detalhou Camilo. “Optamos por inverter os turnos de pilotagem e deixar o Thiago na segunda metade desta prova. Deu certo e estou muito feliz por estar de volta ao Itaipava GT3. Já estava com saudades de vencer”, disse Gresse, que disputou quatro provas na categoria no ano passado, ao lado de Valdeno Brito.

A dupla Walter Derani/ Rodolpho Santos, de Ferrari F430, foi 4ª colocada, seguidos pela dupla vencedora da prova de sábado Ricardo Mauricio/ Miguel Paludo. O Porsche 997 da dupla teve que ser consertado as pressas após Paludo bater durante o warm-up, e avariar o carro alemão. No começo da prova Maurício era o segundo, quando o pneu traseiro esquerdo do carro furou, com o piloto levando o carro até os boxes, perdendo uma volta.
   
Os líderes do campeonato, Rafael Derani/ Claudio Ricci, de Ferrari F430, abandonaram na primeira volta, com a quebra do homocinética do carro.

Ricci/ Derani somam 107 pontos no campeonato. Camilo, que antes de Gresse teve Lico Kaesemodel, Alceu Feldmann e Ronaldo Freitas, como parceiros no Porsche, é o segundo, com 93.

A quinta será disputada em São Paulo, de 21 a 23 de agosto.

Final:

1) N.Gresse/T.Camilo (PO, SP/SP), 46 voltas em 1:00:50.436 (média de 138,58 km/h)
2) B.Garfinkel/C.Serra (LA , SP/SP), a 1 volta
3) C.Longo/D.Serra (FE , SP/SP), a 1 volta
4) W.Derani/R.Santos (FE , SP/SP), a 1 volta
5) R.Mauricio/M.Paludo (PO , SP/RS), a 1 volta
6) B.Posses/A.Hermann (PO , SP/SP), a 1 volta
7) F.Poeta/D.Rosa (FE , SP/RS), a 1 volta
8) M.Hahn/A.Khodair (FE , SP/SP), a 1 volta
9) V.Faria/….. (FE , SP/SP), a 30 voltas
10) C.Faria/L.Vital (FE , SP/SP), a 38 voltas
11) M.Santanna/H.Guerra (FE , SP/SP), a 39 voltas

Melhor Volta: C.Longo/D.Serra, 1:13.330 (149,97 km/h)

Passadas as quatro primeiras rodadas duplas, o campeonato está assim:
1) Cláudio Ricci e Rafael Derani, 107
2) Thiago Camilo, 93
3) Ricardo Maurício, 83
Allam Khodair e Marcelo Hahn, 83
5) Walter Derani e Rodolpho Santos, 64
6) Miguel Paludo, 62
7) Clemente Lunardi, 57
8) Wagner Ebrahim e Fabio Ebrahim, 56
9) Duda Rosa e Fernando Poeta, 55
10) Ramón Mathias e Matheus Stumpf, 51

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *