GT3 Brasil: Corridas tiveram 15 mil pessoas em Brasília

Grandes nomes e supercarros atraem os fãs e fazem crescer os admiradores da ainda jovem categoria.

Com a presença de ídolos como os irmãos Emerson e Wilson Fittipaldi, além de Ingo Hoffmann, Giuliano Losacco e vários outros, o Telefônica Speedy GT3 Brasil registrou em Brasília, no último final de semana, seu maior público. Ao todo, a organização contabilizou 15 mil pessoas que foram acompanhar as duas provas, disputadas no sábado e no domingo. “Essas pessoas se espalharam nos quase seis quilômetros da pista, além de ocuparem as arquibancadas, mas também estiveram no camarotes e áreas de convidados”, explica Luis Roberto Souza, CEO da SRO Latin America, empresa que organiza a GT3 no Brasil. “Boa parte delas pode, ainda, circular pelos boxes e ver pilotos e carros de perto”, detalha o dirigente.

O crescimento do público, segundo Souza, deriva especialmente do prestígio dos pilotos que participam da categoria e, em grande parte, do carisma dos supercarros inscritos. “Todos admiram grandes ídolos, claro, e é lógico que se eles pilotarem supermáquinas diante de um público apaixonado as pessoas vão ficar ainda mais impressionadas. Essa é uma fórmula que tem sido a chave do crescimento do nosso público este ano”, comentou o dirigente, lembrando que a categoria ainda é bastante nova no País: estreou apenas em agosto de 2007. “Por isso, ainda vamos atrair muita gente para os nossos encontros. Estamos apenas começando”.

Para Souza, o sucesso em Brasília se deu também pela saudade dos fãs locais em relação aos irmãos Fittipaldi: “As pessoas não viam o Emerson, por exemplo, há vários anos. Foi uma oportunidade única. O público pedia autógrafos constantemente e tirava fotos ao lado dos nossos carros, que eles também não têm a chance de ver todos os dias”. Atualmente, a GT3 é disputada no Brasil por modelos Ferrari F430 V8, Porsche 997 GT3 Boxer, Dodge Viper Competition V10, Lamborghini Gallardo V10 e Ford GT V8.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *