Indy Lights: Equipe e piloto brasileiros vão disputar Fórmula Indy Lights

Rodrigo Barbosa faz parceria com a ELFF Racing na categoria de acesso da Fórmula Indy.

O Brasil vai estar duplamente representado na temporada 2009 da Indy Lights. Depois de alcançarem sucesso na Fórmula Atlantic National, Rodrigo Barbosa e a equipe ELFF Racing resolveram continuar a parceria subindo para a categoria de acesso à Fórmula Indy. “É a realização de um sonho. Pretendo disputar a Fórmula Indy e as 500 Milhas de Indianápolis e o caminho natural é competir na Indy Lights”, indica o paulista de 20 anos, que foi campeão regional da Fórmula Atlantic nos Estados Unidos em 2007.

 

Nesta primeira temporada na Indy Lights, o objetivo de Rodrigo Barbosa é aproveitar todas as oportunidades na pista para aprender e ganhar experiência na categoria. “A expectativa é ter um ano de muito aprendizado, alcançar gradualmente bons resultados para no ano que vem buscarmos o título”, explica o piloto. Tanto ele quanto a equipe fazem a estréia na competição. “É tudo novo para aprender. Nós não conhecemos o carro nem as pistas. E existem muitas equipes boas na categoria”, conta.

 

A ELFF Racing é uma equipe sediada no estado da Carolina do Norte, de propriedade do paulista Edson DeGobbi, há muitos anos radicado nos Estados Unidos. Depois de ter conquistado vários títulos na Fórmula Atlantic, o engenheiro que já trabalhou na Fórmula Indy resolveu retornar à Indy Lights para chegar em pouco tempo na categoria máxima do automobilismo norte-americano com uma formação totalmente brasileira. “Nos dias de hoje, com crise ou sem, os Estados Unidos sem dúvida é uma opção alternativa, tanto financeira quanto cultural. O Brasil não faz só bons pilotos, como é representado por uma equipe brasileira a mais de vinte e dois anos”, explica DeGobbi, que já trabalhou em categorias como Champ Car, Indy Car, e Fórmula Atlantic – onde conquistou quatro títulos nacionais. “O brasileiro tem que dar mais atenção a uma equipe brasileira, que tem a mesma tecnologia dos americanos, onde o equipamento é igual para todos”, afirma.

 

Rodrigo acredita que o entrosamento com a equipe será fundamental para ter um ano bastante proveitoso. “Foi muito bom ter assinado com uma equipe brasileira. Tanto eu como o time terá que aprender muito, então um vai ajudar bastante o outro”, conta. Neste processo de aprendizado, o brasileiro já sabe qual será o maior desafio. “A principal dificuldade no início vão ser os ovais. Ainda tenho que aprender a andar lado a lado, no vácuo e a 310 km/h o tempo inteiro. Mas após a primeira corrida acredito que estarei bem mais adaptado”, garante.

 

E para amenizar essa dificuldade, Barbosa está testando bastante. “Fizemos 250 milhas de testes em ovais, que foram muito proveitosos para mim e para a equipe. Fomos bem e já pudemos aprender bastante. Agora precisamos trabalhar no acerto do carro para as pistas mistas”, completa.

 

Ele está confiante em alcançar os objetivos traçados neste início de temporada. “Eu conheço o DeGobbi. Sei que temos bons mecânicos e um bom engenheiro. O time é pequeno, mas muito bom. Podemos conseguir bons resultados para a estrutura que temos”, acredita. “O Rodrigo é bom piloto, rápido, larga muito bem e é constante. Ele também aprende corretamente, escuta tudo o que conversamos e tenta outras alternativas até acertarmos o que queremos. Será sem dúvida no futuro um bom piloto para a Indy Car”, atesta DeGobbi.

 

Está terceira temporada do jovem piloto nos Estados Unidos. Além do título regional da Fórmula Atlantic e o quinto lugar no National em 2007, Rodrigo treinou na Fórmula Atlantic e na Indy Lights no ano passado. Os próximos testes acontecem no dia 20 de março, no Barber Motorsport Park, em Birmingham, no estado norte-americano do Alabama.

 

A Indy Lights terá 15 etapas e começa no dia 04 de abril, em San Petersburg. Além de Rodrigo Barbosa, está confirmada a participação de Bia Figueiredo pelo segundo ano.

 

Confira o calendário da temporada 2009 da Indy Lights:

 

1ª etapa: 04/04 – San Petersburg (circuito de rua)

2ª etapa: 05/04 – San Petersburg (circuito de rua)

3ª etapa: 19/04 – Long Beach (circuito de rua)

4ª etapa: 26/04 – Kansas (circuito oval)

5ª etapa: 22/05 – Indianápolis (circuito oval)

6ª etapa: 31/05 – Milwaukee (circuito oval)

7ª etapa: 20/06 – Iowa (circuito oval)

8ª etapa: 04/07 – Watikins Glen (circuito misto)

9ª etapa: 11/07 – Toronto (circuito de rua)

10º etapa: 26/07 – Edmonton (circuito de rua)

11º etapa: 01/08 – Kentuck (circuito oval)

12ª etapa: 09/08 – Mid-Ohio (circuito misto)

13ª etapa: 23/08 – Sonoma (circuito misto)

14ª etapa: 29/08 – Chicago (circuito oval)

15ª etapa: 09/10 – Miami (circuito oval)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *