IndyCar: Alex Palou vence o GP do Alabama

O espanhol Alex Palou (Chip Ganassi Racing) venceu o GP do Alabama, no Barber Motorsports Park, etapa de abertura da temporada. Foi a primeira vitória de Palou na categoria. O australiano Will Power (Team Penske) e o neozelandês Scott Dixon (Chip Ganassi Racing) completaram o pódio.  

Estreando na Chip Ganassi, Palou segurou os ataques de Power, que usou várias vezes o Push-to-Pass nas voltas finais, para vencer com apenas 0s4 de vantagem.  Atual campeão, e dono de seis títulos na categoria, Dixon completou o pódio.

Os três primeiros optaram pela estratégia de dois pits stops, enquanto outros como O’Ward e Bourdais fizeram três paradas. Palou fez o seu último pit na 60ª volta, e Power duas voltas depois.

Pole-position o mexicano Pato O’Ward (Arrow McLaren SP) terminou em quarto, seguido pelo francês Sebastien Bourdais (A.J.Foyt Enterprises) e o holandês Rinus VeeKay (Ed Carpenter Racing).

O norte-americano Graham Rahal (Rahal Letterman Lanigan Racing), o sueco Marcus Ericsson (Chip Ganassi), o norte-americano Alexander Rossi (Andretti Autosport) e o estreante francês Romain Grosjean (Dale Coyne Racing) fechou os dez primeiros.

A prova teve apenas duas bandeiras amarelas por oito voltas. A primeira logo na primeira volta, quando o norte-americano Josef Newgarden (Team Penske) escapou na curva cinco, e rodou. Levando na confusão Ryan Hunter-Reay e Colton Herta, ambos da Andretti Autosport, sueco Felix Rosenqvist (Arrow McLaren SP) e o britânico Max Chilton (Carlin). Newgarden e Hunter-Reay abandonaram.

A segunda bandeira aconteceu na décima volta, quando o estreante norte-americano Jimmie Johnson (Chip Ganassi Racing) rodou. O piloto, sete vezes campeão da NASCAR Cup Series, voltou a prova, terminando na 19 ª posição.

Palou lidera o campeonato com 53 pontos, seguido por Power com 41.

A próxima etapa, o GP de São Petersburgo, acontece no dia 25 de abril.

Alex Palou

Final:

1 – Alex Palou (Dallara-Honda) – Ganassi – 90 voltas
2 – Will Power (Dallara-Chevy) – Penske – 0”4016
3 – Scott Dixon (Dallara-Honda) – Ganassi – 2”9881
4 – Pato O’Ward (Dallara-Chevy) – AMSP – 3”9741
5 – Sebastien Bourdais (Dallara-Chevy) – Foyt – 10”6967
6 – Rinus VeeKay (Dallara-Chevy) – ECR – 13”8750
7 – Graham Rahal (Dallara-Honda) – RLL – 18”7387
8 – Marcus Ericsson (Dallara-Honda) – Ganassi – 20”0700
9 – Alexander Rossi (Dallara-Honda) – Andretti – 20”5601
10 – Romain Grosjean (Dallara-Honda) – Coyne – 45”0805
11 – Jack Harvey (Dallara-Honda) – Shank – 50”0788
12 – Simon Pagenaud (Dallara-Chevy) – Penske – 59”0522
13 – Takuma Sato (Dallara-Honda) – RLL – 1’05”5887
14 – Scott McLaughlin (Dallara-Chevy) – Penske – 1’06”0562
15 – Ed Jones (Dallara-Honda) – Coyne – 1’08”4093
16 – Conor Daly (Dallara-Chevy) – ECR – 1’09”1076
17 – James Hinchcliffe (Dallara-Honda) – Andretti – 1 volta
18 – Dalton Kellett (Dallara-Chevy) – Foyt – 1
19 – Jimmie Johnson (Dallara-Honda) – Ganassi – 3
20 – Max Chilton (Dallara-Chevy) – Carlin – 4

Abandonos:

Felix Rosenqvist (Dallara-Chevy) – AMSP – 63 voltas
Colton Herta (Dallara-Honda) – Andretti – 26
Josef Newgarden (Dallara-Chevy) – Penske – 1
Ryan Hunter-Reay (Dallara-Honda) – Andretti – 1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *